- Publicidade -

Veja se você foi um dos notificados pelo Governo Federal para devolver o Auxílio Emergencial em 2022

Conforme anunciado pelo Ministério da Cidadania, mais de um milhão de brasileiros terão que realizar a devolução do auxílio emergencial pago de forma indevida.

0

O Governo Federal notificou aqueles que receberam indevidamente o auxílio emergencial  As notificações contêm informações para a devolução voluntária ou denúncias de fraudes.

- Publicidade -

Conforme anunciado pelo Ministério da Cidadania, mais de um milhão de brasileiros terão que realizar a devolução do auxílio emergencial pago de forma indevida.

Estes brasileiros foram indicados pelos órgãos de controle por terem recebido o benefício em desacordo com o estabelecido na legislação do programa social e dessa forma, deverão restituir os valores à União.

No mês de agosto do ano passado, o Governo Federal notificou 1,2 milhão de pessoas que também receberam indevidamente o benefício.

Veja se você foi um dos notificados pelo Governo Federal para devolver o Auxílio Emergencial em 2022

- Publicidade -

Milhares de brasileiros deverão devolver o auxílio emergencial. Imagem: Agência Brasil/Marcello Casal Jr.

Veja se você foi um dos notificados pelo Governo Federal para devolver o Auxílio Emergencial em 2022

Ronaldo Navarro, Secretário de Avaliação e Gestão da Informação, do Ministério da Cidadania, declarou o seguinte:

“Este é o último lote de mensagens a ser enviado no ano de 2021. O objetivo é alcançar um novo público, formado por pessoas identificadas pelos órgãos de controle como indicados a procederem à devolução de recursos do auxílio emergencial”.

- Publicidade -

Os brasileiros identificados para devolver o benefício recebido indevidamente foram os que na época do recebimento:

  • Tinham vínculo empregatício;
  • Recebiam seguro defeso;
  • Recebiam benefícios assistenciais ou previdenciários;
  • Estavam recebendo Seguro-desemprego; e
  • São funcionários de empresas estatais, servidor ou pensionista militares.

Conforme o Ministério da Cidadania, até o presente momento já retornaram para os cofres da União o valor de R$ 5,1 bilhões.

Auxílio Emergencial – Como realizar a devolução?

- Publicidade -

Para realizar a devolução, a pessoa deverá acessar o site gov.br/devolucao e digitar o CPF.  Deverá preencher todos os dados e então, emitirá a Guia de Recolhimento da União.

O pagamento poderá ser feito nos bancos, pela internet, caixa eletrônico, guichês de caixa de agência ou em qualquer casa lotérica.

Veja também: Confirmação do pagamento retroativo do Auxílio Emergencial para Pais Solteiros: Veja como consultar pelo CPF

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais