Vale-gás será pago TAMBÉM em janeiro? Saiba o posicionamento de Lula

Para alegria de muitas famílias, o Governo Federal, chefiado por Lula, manterá os pagamentos do Vale-Gás Nacional nesses primeiros meses. Veja!

O presidente Lula (PT) tomou posse a poucos dias e já tem trabalhado bastante. Em 2 de janeiro, por exemplo, o mesmo assinou uma Medida Provisória (MP) que garante os benefícios de assistência social até abril. A MP 1.155/2023 garante o Auxílio Brasil de R$ 600, a parcela extra de R$ 150 por criança pequena de até seis anos do núcleo familiar. E, além disso, o acréscimo do programa Vale-Gás.

Dessa forma, ficou determinado que os beneficiários que recebem o Auxílio Gás vão continuar recebendo o valor integral do gás de cozinha de 13 kg. O benefício continua sendo bimestral, pago em meses pares e o novo pagamento deve ser feito já em fevereiro. Quer saber mais sobre? Então, veja a seguir.

Veja o que o Governo Federal pretende fazer. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br).

Medidas de caráter provisório

Antes de mais nada, é preciso destacar que todos os benefícios aprovados pela medida assinada por Lula tem caráter temporário. Isso porque o novo governo ainda está trabalhando para concluir as mudanças dos benefícios que fazem parte dos programas sociais. Isso quer dizer então que os benefícios aprovados terão validade até que o novo programa social esteja pronto para substituir o Auxílio Brasil e o Vale-Gás.

Além disso, cabe destacar também que os dois benefícios já foram autorizados para o repasse. Dessa forma, os beneficiários devem receber na data regular do Auxílio Brasil, isto é, nos 10 últimos dias úteis do mês. Ademais, o pagamento do benefício deverá ser feito pela conta digital do beneficiário no Caixa TEM. O repasse é feito de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Acompanhe:

  • 18 de janeiro – famílias com NIS FINAL 1;
  • 19 de janeiro – famílias com NIS FINAL 2;
  • 20 de janeiro – famílias com NIS FINAL 3;
  • 23 de janeiro – famílias com NIS FINAL 4;
  • 24 de janeiro – famílias com NIS FINAL 5;
  • 25 de janeiro – famílias com NIS FINAL 6;
  • 26 de janeiro – famílias com NIS FINAL 7;
  • 27 de janeiro – famílias com NIS FINAL 8;
  • 30 de janeiro – famílias com NIS FINAL 9;
  • 31 de janeiro – famílias com NIS FINAL 0.

Para maiores consultas a respeito do Auxílio Brasil e o Vale-Gás, utilize os seguintes endereços:

  • Aplicativo Auxílio Brasil – informando o nº do CPF:
    • Android: https://bityli.com/QWgjUA
    • iPhone (iOS): https://bityli.com/DiMLHl
  • Aplicativo Caixa TEM – na opção “Extrato” e “Futuro”:
    • Android: https://bityli.com/UoGfXHK
    • iPhone (iOS): https://bityli.com/WBhpPvo

Saiba mais: Vale-gás já tem DATAS de pagamento confirmadas? Saiba quem poderá receber o auxílio  

Detalhes sobre os repasses

Como pôde perceber, os pagamentos são disponibilizados para saque ou crédito em conta bancária na sequência de 1 a 0, durante os últimos 10 dias úteis do mês. Além disso, é preciso destacar que as parcelas mensais ficam disponíveis para saque somente por 120 dias após a data indicada no calendário, e as famílias podem conferir o extrato de pagamento na “Mensagem do Governo Federal”, com o valor do benefício.

De acordo com o Ministério da Cidadania, as datas do calendário de 2023 também são válidas para o pagamento do Auxílio Gás, que é bimestral. O último benefício foi pago em dezembro para cerca de 5,95 milhões.

Por fim, boatos apontam que uma recomendação do grupo técnico de transição do Desenvolvimento Social é a fusão do Bolsa Família com o Vale-Gás. A equipe de Lula quer rediscutir o desenho e formular um novo Bolsa Família, priorizando o repasse por pessoa. Hoje em dia, por exemplo, é repassado um valor mínimo de R$ 600 por família, o que incentivou a divisão dos cadastros e propiciou a inclusão atípica de 3,7 milhões de famílias com um único integrante durante a gestão de Jair Bolsonaro.

Saiba mais: Bolsa Família + Vale-gás em 2023: está confirmado? Quando começa?