Se você já trabalhou mais que 1 mês de carteira assinada, poderá SACAR no mínimo R$ 117 através da CAIXA ou Banco do Brasil

Um novo ciclo de pagamentos extraordinários promete aliviar as finanças de milhões de brasileiros na próxima semana. Veja se você está na lista.

Desde fevereiro de 2024, uma parcela significativa dos cidadãos brasileiros tem sido contemplada com a oportunidade de realizar um saque extraordinário, graças a uma iniciativa coordenada pela Caixa Econômica Federal e pelo Banco do Brasil.

Estes pagamentos, que variam em valor e podem atingir até um salário mínimo (R$ 1.412 em 2024), estão previstos para beneficiar aproximadamente 24,5 milhões de brasileiros, com valores partindo de R$ 117,67.

Se você já trabalhou mais que 1 mês de carteira assinada, poderá SACAR no mínimo R$ 117 através da CAIXA ou Banco do Brasil
Confira se você consegue receber. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Quem Recebe?

A distribuição dos pagamentos do PIS/PASEP 2024 segue um calendário baseado no mês de nascimento do trabalhador, unificando as datas tanto para servidores públicos quanto para trabalhadores regidos pela CLT.

O valor do pagamento varia de acordo com o número de meses trabalhados no ano-base, que corresponde a 2022. Os trabalhadores podem verificar a disponibilidade do abono através do aplicativo da Carteira de Trabalho Digital.

Calendário Completo de Pagamentos

O calendário de pagamentos do abono salarial 2024, distribuído pela Caixa e pelo Banco do Brasil, é organizado da seguinte forma:

  • Nascidos em janeiro: a partir de 15 de fevereiro
  • Nascidos em fevereiro: a partir de 15 de março
  • Nascidos em março e abril: a partir de 15 de abril
  • E assim por diante, seguindo até os nascidos em novembro e dezembro, com pagamentos iniciando em 15 de agosto.

Veja também: Caixa libera SAQUE para CPFs específicos HOJE (10); brasileiros que já tiveram a carteira assinada podem receber até R$ 1,4 mil

Como posso consultar se tenho direito ao pagamento extraordinário?

  1. Identifique o Tipo de Pagamento: Primeiro, determine qual pagamento extraordinário você está tentando consultar (por exemplo, PIS/PASEP, FGTS, auxílio emergencial, etc.).
  2. Use os Canais Oficiais:
    • Para o PIS/PASEP: Acesse o site da Caixa Econômica Federal (para o PIS) ou do Banco do Brasil (para o PASEP). Você também pode utilizar os aplicativos Caixa Trabalhador e BB Pasep, respectivamente. Outra opção é ligar para a central de atendimento da Caixa (0800 726 0207) ou do Banco do Brasil.
    • Para o FGTS (incluindo saque-aniversário e saque extraordinário): Utilize o aplicativo FGTS da Caixa ou acesse o site da Caixa Econômica Federal. Também é possível fazer a consulta em uma agência da Caixa.
    • Para outros pagamentos extraordinários: Consulte os sites ou aplicativos específicos fornecidos pelo governo ou pela instituição financeira responsável pelo pagamento.
  3. Prepare Suas Informações: Geralmente, você precisará do seu CPF, NIS (Número de Identificação Social) ou número do PIS/PASEP para realizar a consulta. Ter essas informações em mãos agiliza o processo.
  4. Realize a Consulta: Siga as instruções nos sites, aplicativos ou centrais de atendimento para verificar sua elegibilidade. Algumas plataformas podem pedir que você crie uma conta ou faça login para acessar informações detalhadas.
  5. Consulte Regularmente: As informações sobre elegibilidade e datas de pagamento podem ser atualizadas. Portanto, é aconselhável consultar regularmente os canais oficiais, especialmente à medida que se aproximam as datas programadas para os pagamentos.

Veja também: Entenda o saque EXTRAORDINÁRIO de R$ 1.059 para trabalhadores com CPF final 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 e 0

Até quando posso sacar o pagamento extraordinário?

O prazo para sacar o pagamento extraordinário varia de acordo com o tipo de benefício ou programa específico. Aqui estão alguns exemplos gerais:

  • PIS/PASEP: Os pagamentos do abono salarial PIS/PASEP geralmente têm um calendário fiscal específico, que normalmente se encerra no meio do ano seguinte ao do pagamento. Por exemplo, os pagamentos referentes ao ano-base podem ser sacados até 30 de junho do ano seguinte.
  • FGTS Saque Extraordinário: Quando o governo autoriza saques extraordinários do FGTS, estabelece um calendário específico com datas limites para o saque. Essas datas são comunicadas pelo governo e pela Caixa Econômica Federal.
  • Auxílio Emergencial: Para programas como o Auxílio Emergencial, o governo também determina um prazo final para o saque dos valores disponibilizados. Após esse período, os valores não sacados retornam ao Tesouro Nacional ou à fonte original.

Para obter informações precisas sobre os prazos de saque do pagamento extraordinário que você deseja acessar, é importante:

  1. Consultar os Canais Oficiais: Acesse o site ou o aplicativo da Caixa Econômica Federal, do Banco do Brasil ou de outras instituições governamentais responsáveis pelo pagamento. Eles fornecerão as datas limites atualizadas e específicas para cada tipo de pagamento extraordinário.
  2. Verificar Comunicações Oficiais: Mantenha-se atento a e-mails, SMS e outras comunicações oficiais do governo ou das instituições financeiras que podem incluir informações importantes sobre prazos de saque.
  3. Atendimento ao Cliente: Se tiver dúvidas, utilize os canais de atendimento ao cliente das instituições responsáveis pelos pagamentos para obter informações sobre os prazos de saque.

Conhecer e respeitar o prazo para o saque do pagamento extraordinário é crucial para garantir que você não perca o acesso aos recursos disponíveis.

Veja também: Brasileiros com carteira assinada poderão sacar valores entre R$ 117 e R$ 1.412; consulte HOJE (10) sua situação