Se você deseja APROVEITAR a Black Friday é melhor seguir ESTAS DICAS!

O evento acontece todos os anos na última sexta-feira do mês de novembro. A expectativa de lojistas em 2022 é alta

A Black Friday surgiu nos Estados Unidos, como uma forma de impulsionar a economia. Todos os anos, na sexta-feira depois do Dia de Ação de Graças, os norte-americanos podem contar com diversas promoções e condições especiais para fazerem compras. A tradição já existe há anos no país e é muito retratada em filmes e séries. 

No Brasil, a Black Friday surgiu em meados de 2010, com uma iniciativa de empresários para injetar dinheiro na economia. O evento começou a se tornar popular em 2015, quando várias lojas começaram a oferecer condições especiais para compras via internet. Em 2022, a expectativa de varejistas com a Sexta-Feira Negra é alta, uma vez que o evento acontece depois de dois anos de pandemia, na última sexta de novembro. 

Continue lendo esta matéria para dicas de como aproveitar a Black-Friday.  

APROVEITAR-a-Black-Friday
A Black Friday acontece todos os anos, na última sexta-feira de novembro e oferece condições especiais para compras – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Como aproveitar a Black Friday

Diante disso, confira as dicas para aproveitar a Black Friday em 2022.

Planejamento 

Assim como tudo na vida, é importante ter planejamento antes de tomar qualquer ação. Na Black Friday, um bom jeito de começar, é fazendo uma lista de tudo que você precisa comprar. Dessa forma, há como evitar compras desnecessárias, só por conta da promoção. 

Outro ponto importante é pesquisar bem os preços. Infelizmente, muitos estabelecimentos costumam aumentar o preço dias antes das promoções e, na Black Friday, apresentar o preço convencional do produto como uma oferta. Então, saber o preço dos itens, pode te ajudar a evitar fraudes, o que nos leva à próxima dica. 

Pesquisa e consulta

Como já dito antes, é essencial que você pesquise pelo preço dos produtos que deseja comprar. Para tal, consulte aplicativos, sites, lojas, entre outros. Assim, além de evitar as fraudes, tem como saber qual estabelecimento oferece o melhor custo-benefício. 

Nesse sentido, é bom colocar no papel, os custos com frete e deslocamento. Não adianta comprar um celular na promoção, por exemplo, se o frete do produto for muito caro. Na prática, seria melhor ter comprado o item sem a promoção. 

Onde as compras serão feitas 

Assim, saber onde você quer comprar seus produtos é válido. Dessa forma, seu planejamento pode ser mais completo. Dê preferência por lojas perto de sua casa, em que o frete ou deslocamento será menor. 

Veja também: IMPRESSIONANTE: mesmo com o nome sujo, brasileiros podem sacar até R$ 3 mil na CAIXA

Veja mais dicas

Cupons de descontos e cashback

Existem vários aplicativos de cupom de desconto, como Méliuz, por exemplo. Na Black Friday, esses sites costumam oferecer descontos ainda maiores com as lojas parceiras. Além do mais, existem promoções de cashback. 

Orçamento 

Assim que você definir os itens que irá comprar, já separe uma parte de seu orçamento para tal. O ideal é que você destine um dinheiro para a Black Friday. Caso o valor dos seus itens ultrapasse o que já foi separado, repense se há necessidade de comprá-los. 

Descontos à vista

Algumas lojas podem oferecer descontos ainda maiores, caso o pagamento seja à vista. Então, vale a pena se preparar para pagar os itens no débito, de uma vez. 

Veja também: Mudança no PREÇO dos COMBUSTÍVEIS em 2023; gasolina vai diminuir ou aumentar?