SAQUE de até R$ 2,2 MIL DISPONÍVEL para brasileiros; prazo para resgate se encerra este ano

Brasileiros podem ter acesso a saques que podem somar R$ 2 mil reais. Porém, é importante correr para sacar os valores.

0

Há saque disponível para trabalhadores ainda este ano. Se você está precisando de dinheiro, essa é uma forma interessante de conseguir o valor extra. Contudo, é importante entender que existem regras. 

Os valores são voltados para trabalhadores. Isso porque são direitos dessa classe de pessoas. Conheça as regras das opções e veja se pode ou não ter acesso ao valor disponível. 

SAQUE de até R$ 2,2 MIL DISPONÍVEL para brasileiros; prazo para resgate se encerra este ano
Saiba mais sobre os saque disponíveis – Imagem: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Saque disponível 

Até os últimos dias de dezembro, vários trabalhadores possuem chances de resgatar dinheiro. O valor pode chegar a R$ 2,2 mil. O recurso está disponível através da Caixa Econômica Federal.

As quantias são referentes tanto ao FGTS quanto ao PIS/Pasep. Vale lembrar que somando os valores, é possível conseguir até dois salários mínimos. 

Isso porque os benefícios são cumulativos. Caso o trabalhador esteja de coro com as regras das duas opções podem conseguir cerca de R$ 2 mil. Confira a seguir as regras de cada opção. 

Veja também: ESTES são os saques do FGTS disponíveis até dezembro; saiba o que você pode receber

Benefícios liberados

FGTS

Atualmente, a Caixa Econômica Federal possui cerca de R$ 9,3 bilhões de reais disponíveis para saque. Esse valor é referente ao Saque Extraordinário do Fundo de Garantia do Tempo De Serviço (FGTS). O valor já está disponível há muito tempo. Porém, o banco deu mais uma chance para os brasileiros retirarem a quantia. 

O prazo para o saque é o dia 29 de dezembro deste ano. Vale lembrar que o valor foi depositado nos primeiro meses do ano com o objetivo de ajudar os trabalhadores depois da pandemia. 

A retirada ocorre através da Caixa Tem. O banco criou cortinas em nome dos trabalhadores. O valor é de R$ 1 mil. Aqueles que tinham menos na conta do FGTS, poderão sacar a quantia disponível inteira. 

Aqueles que não tiverem interesse em retirar o valor não precisam se preocupar. O saldo voltará para a conta do FGTS com seus respectivos juros. 

PIS/Pasep 

Outra opção é o saque do PIS/Pasep retroativo. Esses valores também estão disponíveis até este mês para os trabalhadores. Essa quantia é correspondente a valores não resgatados no passado. 

As pessoas que não aproveitarem a chance de resgate do benefício este ano, deverão aguardar uma próxima data para ter acesso. Assim, as pessoas que tiveram carteira assinada no período de 2016 a 2020 podem sacar o valor disponível.

Esse saque retroativo foi disponibilizado no mês de outubro deste ano. Contudo, ainda existem muitos trabalhadores que não sacaram a quantia. Vale lembrar que para receber é necessário seguir algumas regras estabelecidas. Veja:

  • Estar inscrito no PIS ou no Pasep há, pelo menos, 5 anos considerando a data do ano-base;
  • Ter trabalho pelo período mínimo de 30 dias com carteira assinada no ano-base;
  • Neste período, ter recebido até dois salários mínimos como remuneração mensal durante o ano. 
  • Possuir as informações atualizadas no e-Social ou ainda na Relação Anual de Informações Social (RAIS). 

Já, aqueles que desejarem ter mais informações devem entrar em contato nos seguintes meios:

  • Caixa Trabalhador – Android: https://bit.ly/3CmVDIF ou iOS: https://apple.co/3CmVgOg 
  • Caixa Tem – Android: https://bit.ly/3S1GCBO ou iOS: https://apple.co/3z9qcit 
  • Carteira de trabalho Digital – Android: https://bit.ly/3Jee1Ft ou iOS: https://apple.co/2nl95tb 
  • Central de atendimento Alô Trabalho – Telefone 158
  • Atendimento no Banco do Brasil – Telefones 4004-0001 ou 0800-729-0001.

Veja também: Calendário do PIS/PASEP: saiba de uma vez por todas QUANDO você irá recebe