Salário-maternidade para quem é MEI: confira o passo a passo para solicitar

Os brasileiros cadastrados como MEI também podem solicitar este e outros benefícios do INSS. Saiba como.

O salário-maternidade é um dos inúmeros benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). O que poucas pessoas sabem, no entanto, é que o MEI (Microempreendedor Individual) também pode receber este benefício. Afinal de contas, ele contribui com a autarquia federal através do DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). Então, a categoria pode ter acesso aos benefícios previdenciários, desde que cumpra com os critérios de elegibilidade. 

No caso do salário-maternidade, o benefício é destinado para as seguradoras que se tornaram mães. Vale salientar que os homens também podem receber o pagamento em duas hipóteses. De forma geral, as regras para MEI e para outros tipos de contribuintes são as mesmas, o que muda é o valor do benefício. Continue lendo esta matéria para saber como o MEI pode ter acesso ao benefício. 

pregnant
Saiba como um MEI pode solicitar o salário-maternidade – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br
Foto: divulgação

Sou MEI, como faço para receber o salário-maternidade? 

Antes de mais nada é importante deixar claro quais são as regras do salário-maternidade. Conforme já mencionado, elas são as mesmas para MEI e outros tipos de segurados do INSS. É necessário que a pessoa respeite o prazo de carência de, ao menos, 10 meses. Ou seja, ela precisa ter feito dez contribuições para receber o benefício do INSS. Além do mais, o pagamento é feito em algumas hipóteses. 

Saiba quando o benefício é concedido

  • Parto;
  • Adoção, desde que a criança tenha até 12 anos de idade;
  • Guarda judicial, desde que a criança tenha até 12 anos de idade;
  • Aborto espontâneo;
  • Aborto realizado nos casos previstos na lei;
  • Por fim, nos casos em que o bebê nasce morto após o parto. 

Saiba quando um homem pode solicitar o benefício

  • Nos casos de adoção, ou guarda judicial, desde que a criança tenha até 12 anos de idade; 
  • No caso de falecimento da segurada que receberia o benefício. 

Qual é o valor para quem é MEI?

O salário-maternidade segue a mesma lógica de cálculo de outros benefícios do INSS destinados aos MEIs. Ou seja, é de um salário mínimo, que atualmente está em R$ 1320. A contribuição obrigatória da categoria corresponde a 5% do salário mínimo. Então, quem contribui com este valor, recebe o piso do INSS. Vale salientar que o MEI pode complementar a sua contribuição com o pagamento do GPS (Guia da Previdência Social). 

Veja também: Revolução no INSS: novos cálculos deixam fazem aposentados SE EMOCIONAREM

Como solicitar o benefício? 

A partir do momento em que o MEI está cadastrado na Receita Federal e efetua o pagamento do DAS, ele pode solicitar os benefícios do INSS, desde que atenda aos critérios de elegibilidade. Não é diferente com o salário-maternidade. O processo para solicitar o pagamento, é o mesmo para todos os segurados do INSS. 

É possível fazer a solicitação em uma das agências ou pela internet. Para fazer remotamente, basta acessar o ‘Meu INSS’. O app é gratuito e está disponível para todos os beneficiários na Apple Store e Google Play Store. Para acessar a plataforma, clique neste link: https://meu.inss.gov.br/#/login.

Veja também: Idade mínima para concessão no INSS acaba de ser atualizada: INACREDITÁVEL!