Afinal, o PIX vai ACABAR em 2023? Saiba o que mudará na transação

Com o ano de 2023 chegando, existem algumas mudanças disponíveis para o PIX, a transação financeira mais utilizada por toda a população brasileira.

Possivelmente você já foi salvo pela ferramenta do PIX, recebendo ou enviando algum valor de forma completamente imediata, independente da distância entre o remetente e o destinatário.

Atualmente, o PIX é a transação financeira mais utilizada por toda a população brasileira, seja em empresas, pequenos comércios, uso pessoal, compras on-line, entre diversas outras possibilidades.

Acontece, no entanto, que o PIX passará por algumas mudanças logo ao início do ano de 2023. De acordo com as informações dispostas pelo Banco Central, o objetivo é proporcionar maior segurança para os usuários.

Mas calma! Até o momento, não existe nenhuma possibilidade do PIX acabar, porém, as alterações podem impactar as movimentações financeiras.

PIX
Alterações nas formas de pagamento / Imagem: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Mudanças no PIX

Limite da transação

Antes de mais nada, é preciso dizer que o sistema do PIX conta com alguns limites. Isto é, existe um limite para transações diurnas e outro para transações noturnas. No entanto, também existe uma delimitação de valores para cada transferência feita.

Em contrapartida, de acordo com as informações do próprio Banco Central (desenvolvendor do PIX), o foco está em eliminar esse limite por transação. Isto é, se o limite de transação diruno é de R$ 3 mil, os usuários poderão realizar uma transferência com o valor unitário, caso prefiram.

No entanto, a mudança de limite permanece com as mesmas regras. Isto é, se o cidadão desejar solicitar uma redução de limite, visando realizar transações em menores valores, o banco deverá autorizar de forma imediata. De antemão, caso o desejo do usuário seja aumentar esse limite, será preciso aguardar a aprovação entre  24h e 48h.

Limite noturno

Outra mudança extremamente importante, é em relação às transações realizadas durante o turno noturno. Melhor dizendo, atualmente, os bancos precisam fornecer um limite menor para as transações no turno da noite. Como por exemplo, um usuário possui limite diurno de R$ 5 mil, mas seu limite noturno é de apenas R$ 500.

De modo geral, o foco está em garantir a segurança dos usuários, bem como evitar golpes e fraudes. Contudo, o BC informou que a partir de 2023 os próprios bancos poderão definir o horário para delimitação desse limite. Assim, o turno noturno poderá ser de 20h às 06h ou de 22h às 06h.

Veja também: Confira TODOS os bancos que oferecem crédito consignado do Auxílio Brasil

Tem mais alterações!

Mudanças no PIX saque e troco

Ainda que não seja de conhecimento geral, o PIX conta com a possibilidade de saque e o recebimento de troco, principalmente em virtude das transações realizadas às empresas e/ou comércios. Neste sentido, atualmente, o limite diurno para a transação é de R$ 500, enquanto o limite noturno é de R$ 100.

Segundo as informações divulgadas pela autoridade monetária do BC, as alterações contarão com um novo limite para esse tipo de transação, sendo R$ 3 mil durante o dia e R$ 1 mil durante o turno da noite.

O foco está justamente em proporcionar uma maior semelhança com os saques tradicionais.

Objetivo das mudanças

De forma concluinte, é preciso dizer que as mudanças tendem, principalmente, proporcionar maior facilidade para os usuários da ferramenta. No entanto, ainda é preciso tomar cuidado para não comprometer a segurança dos indivíduos.

Por fim, como dito anteriormente, as mudanças entrarão em vigor logo ao início do ano de 2023.

Veja também: Como fazer uma boa RENDA EXTRA com o CARTÃO DE CRÉDITO? Aprenda e coloque em prática