7 milhões de família estão INCLUÍDAS na revisão do CadÚnico: descubra se você também vai passar pela revista

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) anunciou mais uma revisão no banco de dados do CadÚnico. Entenda.

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) é um banco de dados criado pelo Governo Federal. Como o nome já diz, é usado para definir quem pode ter acesso a benefícios como o Bolsa Família. 

Vale destacar que existem algumas regras para se manter no Cadastro Único. É necessário se enquadrar nos critérios de elegibilidade do programa. Além do mais, os brasileiros precisam manter a atualização cadastral. 

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) anunciou que vai realizar um novo pente-fino. Ou seja, acontecerá mais uma averiguação cadastral em 2024. Continue lendo esta matéria para saber quem está na mira do órgão. 

7 milhões de família estão INCLUÍDAS na revisão do CadÚnico descubra se você também vai passar pela revista
Saiba tudo sobre a revisão do CadÚnico – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Descubra se você está na revisão do CadÚnico

Em uma ação significativa para aperfeiçoar o sistema de assistência social, o governo brasileiro expandiu a revisão cadastral do Cadastro Único (CadÚnico) para incluir mais 7 milhões de famílias em 2024. 

O novo pente-fino vai abranger beneficiários e não beneficiários do Bolsa Família. Essa revisão envolve dois processos chave: a revisão cadastral, para cadastros desatualizados há mais de 24 meses.

Além do mais, existe a  averiguação cadastral, que verifica inconsistências em informações como renda, vínculo empregatício ou composição familiar.

Inclusão e qualificação cadastral

O CadÚnico, essencial para o acesso a programas sociais como Bolsa Família, BPC, Tarifa Social de Energia Elétrica, entre outros, passa por uma qualificação cadastral que exige das famílias a atualização de seus dados. 

As ações de qualificação visam garantir que o cadastro reflita a realidade das famílias, direcionando recursos para quem realmente necessita.

Averiguação e revisão cadastral

A averiguação cadastral inclui famílias com potenciais inconsistências, como aquelas com membros pensionistas ou servidores públicos, divergências nas informações de renda, ou com pessoas identificadas como residentes no exterior sem a devida atualização no CadÚnico. 

A revisão cadastral, por outro lado, aborda registros desatualizados, independentemente de a família ser beneficiária de algum programa social.

Impacto no Bolsa Família

Irregularidades no CPF podem levar ao bloqueio ou cancelamento do benefício Bolsa Família, ressaltando a importância da atualização cadastral. 

As famílias afetadas são notificadas para regularizar a situação, garantindo que o benefício seja concedido apenas a quem cumpre os critérios estabelecidos.

Este esforço de revisão e averiguação cadastral pelo governo enfatiza a importância da precisão e da integridade nos registros do CadÚnico, assegurando uma distribuição de renda mais eficaz e justa. 

É um passo crucial na melhoria contínua da gestão de programas sociais, visando uma sociedade mais inclusiva e equitativa.

Veja também: Absorvente GRÁTIS para mulheres inscritas no CadÚnico: saiba como solicitar

Como se inscrever no CadÚnico 

Para se inscrever no Cadastro Único (CadÚnico), que é o primeiro passo para acessar diversos programas sociais do governo, siga estes passos:

  • Identifique se sua família é elegível;
  • Reúna a documentação necessária: você precisará dos documentos de identificação de todos os membros da família, como RG, CPF, certidão de nascimento para menores que não possuem RG, título de eleitor e, para o responsável pela família, é obrigatório apresentar o CPF ou título de eleitor. 
  • Procure o CRAS: dirija-se ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo da sua residência ou à prefeitura do seu município. Lá, você poderá informar sobre a intenção de se cadastrar no CadÚnico.
  • Realize a entrevista: um entrevistador treinado irá coletar as informações da sua família. Esta etapa é crucial para garantir que os dados sejam inseridos corretamente no sistema.
  • Aguarde a validação: após a entrevista, suas informações serão processadas. Você receberá um Número de Identificação Social (NIS), que permite acessar programas sociais, caso seja elegível.

Veja também: Atualize seu CadÚnico pela internet e evite perder os benefícios