Repasse de R$ 70,00 do Nubank através do WhatsApp é VERDADE? Descubra!

Em um mundo digital repleto de oportunidades, os golpes virtuais se tornam cada vez mais sofisticados, exigindo atenção redobrada dos consumidores.

Recentemente, mensagens circulando no WhatsApp prometem aos clientes do Nubank o recebimento de R$70 como parte de uma suposta celebração de aniversário do banco digital.

O artigo esclarece que se trata de um golpe, visando a captura de dados pessoais e bancários dos usuários através de uma campanha fraudulenta denominada “NuNiver”.

Repasse de R$ 70,00 do Nubank através do WhatsApp é VERDADE? Descubra!
Descubra a verdade sobre a recente campanha falsa do Nubank. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Como posso identificar um golpe no WhatsApp?

Você pode identificar um golpe no WhatsApp observando sinais como erros de ortografia ou gramática nas mensagens, solicitações de informações pessoais ou bancárias sensíveis, promessas de dinheiro fácil ou recompensas sem motivo aparente, e links suspeitos para sites desconhecidos.

Além disso, desconfie de mensagens urgentes ou alarmantes que tentam pressioná-lo a agir rapidamente sem verificar a autenticidade da oferta. Sempre verifique a fonte da mensagem e evite clicar em links ou fornecer informações pessoais sem garantia de segurança.

Veja também: Comunicado do Nubank e os serviços INDISPONÍVEIS paralisação deixa correntistas preocupados

O Nubank realmente oferece dinheiro aos clientes por meio do WhatsApp?

Não, o Nubank não oferece dinheiro aos clientes por meio do WhatsApp. O banco não utiliza o WhatsApp como canal oficial para realizar promoções ou distribuir benefícios financeiros aos seus clientes.

Portanto, qualquer mensagem recebida pelo WhatsApp prometendo dinheiro ou vantagens financeiras do Nubank deve ser tratada com cautela, pois pode se tratar de um golpe.

Veja também: Nubank está AUMENTANDO o limite até de quem está com o nome SUJO; veja como

Quais são as medidas de segurança para proteger meus dados bancários online?

Existem várias medidas de segurança que você pode adotar para proteger seus dados bancários online:

  1. Mantenha suas senhas seguras e únicas para cada serviço bancário online, evitando compartilhá-las com outras pessoas.
  2. Ative a autenticação de dois fatores sempre que possível, para adicionar uma camada extra de segurança às suas contas.
  3. Evite acessar suas contas bancárias em redes Wi-Fi públicas ou não seguras, optando por redes privadas e seguras.
  4. Mantenha seu software e aplicativos bancários sempre atualizados para garantir a proteção contra vulnerabilidades conhecidas.
  5. Esteja atento a possíveis sinais de phishing, como e-mails ou mensagens suspeitas solicitando informações pessoais ou bancárias.
  6. Verifique regularmente suas transações e extratos bancários para identificar atividades não autorizadas o mais rápido possível.
  7. Utilize soluções de segurança, como antivírus e firewalls, em seus dispositivos para proteger contra malware e ataques cibernéticos.
  8. Nunca compartilhe informações sensíveis, como números de cartão de crédito ou senhas, por e-mail, telefone ou mensagens não seguras.

O que fazer se eu cair em um golpe no WhatsApp?

Se você cair em um golpe no WhatsApp, é essencial agir rapidamente para minimizar os danos. Primeiramente, interrompa imediatamente qualquer interação com a mensagem suspeita ou link enviado pelo golpista.

Em seguida, utilize as ferramentas de denúncia disponíveis no WhatsApp para reportar o golpe, contribuindo para evitar que outras pessoas se tornem vítimas da mesma fraude. Além disso, bloqueie o número do golpista no WhatsApp para evitar novas tentativas de contato.

É importante monitorar suas contas bancárias e outras contas online para identificar qualquer atividade suspeita.

Caso identifique transações não autorizadas, entre em contato com seu banco ou provedor de serviços imediatamente para relatar o incidente e tomar as medidas necessárias para proteger suas finanças.

Veja também: CPF qualificado para receber R$ 2,5 MIL através do Nubank? Entenda!