ESTE aparelho pode salvar a sua vida: conheça 6 recursos vitais de um relógio inteligente

Conheça as funções mais recentes trazidas pelos smartwatches.

0

Você com certeza já deve ter se interessado por um Smartwatch (” relógio inteligente ”, em português). Hoje em dia, o aparelho, graças à alta tecnologia, traz funções que podem ser determinantes em situações de emergência. Entre seus recursos, o dispositivo consegue notar se você está tendo uma arritmia cardíaca e até mesmo medir seus níveis de oxigênio ou pressão arterial. Quer saber mais sobre suas funções? Então, veja a seguir.

Há pouco tempo a Apple inovou ao incluir um mecanismo que detecta acidentes de carro no aparelho. Isso pode fazer toda a diferença em ambientes extremos! No geral, o aparelho é objeto de desejo tanto de quem pretende medir sua performance durante as atividades físicas; ou simplesmente deseja dispensar o uso do smartphone em algumas tarefas do dia, como atender ligações.

Funcionalidades trazidas podem prevenir doenças – Foto: Divulgação.

Smartwatch, o relógio inteligente

A princípio, elaboramos uma lista para mostrar funções em que o relógio inteligente pode prevenir, cuidar e até ser acudir os usuários.

1. Detecção de acidente de carro

Em suma, a grande inovação no novo modelo Apple Watch 8 é a possibilidade de identificar se o usuário sofreu um grave acidente de carro. Dessa forma, quando detectada uma colisão, com esse recurso, é possível o contato automático com os serviços de resgate mostrando sua localização. Além disso, o aparelho ainda alerta os contatos da lista de emergência.

De acordo com a fabricante, a novidade alinha um giroscópio aprimorado de 03 eixos e alto alcance dinâmico com um novo acelerômetro de força g de alta intensidade, microfone, barômetro e GPS. Tudo isso dentro do pequeno dispositivo! Ainda segundo a Apple, a tecnologia do algoritmo de fusão de sensores foi treinada com base em um milhão de horas de dados reais sobre direção e acidentes.

2. SOS de Emergência
Outro recurso de fato muito importante nos smartwatches é o GPS. A função, por sua vez, apresenta o posicionamento global, por satélite. Ou seja, ele entrega a posição do usuário. Assim, essa tecnologia serve tanto para o público que faz atividades físicas para acompanhar os gastos calóricos como também em situações de perigo.

3. Controle de sono

A longo prazo, a qualidade do sono pode influenciar na saúde das pessoas e trazer doenças que podem causar até a morte. Pelo menos é o que afirma o psiquiatra José Wagner, especialista em saúde mental. Dessa forma, o app Sono apresenta detalhes do descanso do usuário. Assim, ele mostra quanto tempo você permanece em estágio de sono profundo e os momentos no qual pode ter sido acordado.

Veja: Estudo aponta que roncar pode provocar doença terminal; como evitar?  

Cuidando dos seus sinais vitais com o smartwatch

4. Eletrocardiograma (ECG)

O monitoramento do coração também é outro recurso capaz de salvar a vida de um homem. Nos Estados Unidos, por exemplo, a função de eletrocardiograma (ECG) do Galaxy Watch 3 (Samsung) percebeu que Larry Shiver apresentava sintomas de fibrilação atrial. Era um tipo comum de arritmia cardíaca que, quando não tratado, pode levar a infarto ou acidente vascular cerebral (AVC).

5. Detecção de quedas

Disponível a partir do Apple Watch 4, a detecção automática de quedas é uma das ferramentas que pode certamente salvar a vida das pessoas. Em resumo, a função é programada para reconhecer se o usuário caiu e entrar em contato automaticamente com o serviço de emergências para o resgate da vítima.

6. Buscar outros equipamentos

Por fim, mas não menos importante, numa situação extrema, essa função auxilia no resgate das pessoas. O app é usado para rastrear iPhone ou o Apple Watch perdido ou roubado. Além disso, ele também pode servir para encontrar amigos. Esse recurso está disponível desde o iOS 13.

Veja: Óculos de realidade virtual na hora de cirurgias? Como isso funciona?