Trabalhadores de todo o território nacional se deparam com reajuste no PIS/Pasep: confira o valor!

Descubra as novidades sobre o PIS/PASEP 2024, com aumento de 6,97%, e veja como esse benefício pode impactar sua vida financeira. Confira o calendário de pagamentos!

A expectativa e a ansiedade pairavam no ar, e agora finalmente foi confirmado: o PIS/PASEP para o ano de 2024 sofreu um reajuste de 6,97%. Essa notícia é especialmente relevante para os trabalhadores de todo o território nacional, pois impacta diretamente em seus benefícios e na quantia que receberão a título de abono salarial.

Novidades no PIS/PASEP 2024. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br).

Reajuste do salário mínimo e implicações nos benefícios sociais

Em um país onde o salário mínimo é utilizado como referência para diversos benefícios sociais, esse reajuste é uma notícia muito aguardada. Com a atualização, os trabalhadores com direito ao abono salarial agora terão a oportunidade de receber quantias que podem chegar a até R$ 1.412. Essa é uma injeção financeira que certamente fará a diferença na vida de muitas famílias brasileiras.

É crucial compreender que o valor do PIS/PASEP 2024 é progressivo e varia de acordo com a quantidade de meses trabalhados no ano de referência, que neste caso é 2022. Por exemplo, aqueles que tiveram apenas um mês de trabalho formal receberão um abono salarial de R$ 117,67, enquanto aqueles que completaram um ano de prestação de serviços terão direito ao teto do PIS/PASEP, equivalente ao salário mínimo de R$ 1.412.

De acordo com informações do Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador), o abono salarial de 2024 beneficiará cerca de 24,67 milhões de trabalhadores em todo o país. Desse total, 21,95 milhões que trabalham na iniciativa privada receberão seus abonos salariais através da Caixa Econômica Federal (CEF), enquanto 2,72 milhões de servidores públicos, empregados de estatais e militares terão direito aos seus abonos pelo Banco do Brasil (BB) através do PASEP.

Veja também: Participantes do BBB 2024 já estão sendo especulados; confira as pistas que o Boninho revelou

Quem tem direito ao saque do PIS/PASEP 2024?

Para receber o PIS/PASEP, é necessário preencher alguns critérios específicos que não foram alterados nos últimos anos. Portanto, é importante que os trabalhadores estejam cientes das condições necessárias para ter acesso a esse benefício.

Primeiramente, é preciso estar inscrito nos programas do PIS/PASEP há, pelo menos, cinco anos. Além disso, ter trabalhado com carteira assinada por, pelo menos, 30 dias consecutivos ou não é outro requisito fundamental. É importante ressaltar que o valor do salário recebido durante esse período de trabalho deve ser de até dois salários mínimos.

Outro requisito essencial é que os dados trabalhistas do trabalhador estejam devidamente informados e atualizados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS). É importante salientar que, muitas vezes, as pessoas se concentram apenas no fato de terem trabalhado por alguns meses durante o ano de referência, esquecendo-se da exigência de ter, pelo menos, cinco anos de carteira assinada, sejam eles consecutivos ou não. Sem atender a esse critério, o acesso ao PIS/PASEP fica impossibilitado.

Valor do PIS/PASEP 2024

O valor do PIS/PASEP 2024 é calculado com base na quantidade de meses trabalhados no ano de referência e pode ser uma ajuda significativa para o orçamento dos trabalhadores. Abaixo estão os valores de acordo com a quantidade de meses trabalhados:

  • 1 mês trabalhado – R$ 117,67;
  • 2 meses trabalhados – R$ 235,33;
  • 3 meses trabalhados – R$ 353,00;
  • 4 meses trabalhados – R$ 470,65;
  • 5 meses trabalhados – R$ 588,32;
  • 6 meses trabalhados – R$ 706,00;
  • 7 meses trabalhados – R$ 823,66;
  • 8 meses trabalhados – R$ 941,33;
  • 9 meses trabalhados – R$ 1.059,00;
  • 10 meses trabalhados – R$ 1.176,68;
  • 11 meses trabalhados – R$ 1.294,34;
  • 12 meses trabalhados – R$ 1.412,00.

Calendário do PIS/PASEP 2024

Para não perder as datas importantes relacionadas ao PIS/PASEP, é fundamental ficar atento ao calendário de pagamento. As datas variam de acordo com o número final da inscrição do trabalhador, e tanto o PIS quanto o PASEP têm cronogramas específicos. Confira as datas:

PIS:

  • Janeiro – 15 de fevereiro de 2024;
  • Fevereiro – 15 de março de 2024;
  • Março – 14 de abril de 2024;
  • Abril – 15 de abril de 2024;
  • Maio – 15 de maio de 2024;
  • Junho – 15 de maio de 2024;
  • Julho – 15 de junho de 2024;
  • Agosto – 15 de junho de 2024;
  • Setembro – 15 de julho de 2024;
  • Outubro – 15 de julho de 2024;
  • Novembro – 15 de agosto de 2024;
  • Dezembro – 15 de agosto de 2024.

PASEP:

  • Inscrição final 0 – 15 de fevereiro de 2024;
  • Inscrição final 1 – 15 de março de 2024;
  • Inscrição final 2 – 15 de abril de 2024;
  • Inscrição final 3 – 15 de abril de 2024;
  • Inscrição final 4 – 15 de maio de 2024;
  • Inscrição final 5 – 15 de maio de 2024;
  • Inscrição final 6 – 17 de junho de 2024;
  • Inscrição final 7 – 17 de junho de 2024;
  • Inscrição final 8 – 15 de julho de 2024;
  • Inscrição final 9 – 15 de agosto de 2024.

Este é um momento importante para todos os trabalhadores brasileiros, já que o PIS/PASEP representa uma oportunidade de auxílio financeiro significativo. Com o reajuste em vigor, os beneficiários têm a chance de melhorar suas condições financeiras e planejar um futuro mais estável. Portanto, é essencial estar ciente dos critérios de elegibilidade e das datas de pagamento para não perder essa oportunidade.

Aqui, apresentamos todas as informações essenciais sobre o reajuste do PIS/PASEP 2024, seus valores, critérios de elegibilidade e o calendário de pagamento. Esteja preparado para aproveitar ao máximo esse benefício e garantir um alívio financeiro em seu orçamento. Afinal, esse é um direito conquistado pelos trabalhadores brasileiros para ajudar no desenvolvimento de suas vidas e de suas famílias.

Veja também: Aposentadorias, PIS e seguro-desemprego com reajuste: é festa no Brasil, confira os aumentos