- Publicidade -

Vai ter Prova do Enem em 2021? 37 servidores ligados a o Exame pedem demissão – Veja como fica a situação

Saiba qual será o futuro do Exame do Ensino Médio depois das demissões em massa dos últimos dias: confira se vai ter Enem em 2021!

- Publicidade -

Não bastasse a crise econômica e de saúde pública, agora o Brasil está mais próximo de mais uma crise na educação. Depois que 37 funcionários do Inep pediram demissão, a pergunta é: vai ter prova do Enem em 2021?

O exame estava marcado para os dias 21 e 28 deste mês. E o que vai acontecer agora? Confira e saiba o que especialistas estão falando sobre esse novo momento do Ministério da Educação (MEC). 

Vai ter Prova do Enem em 2021 37 servidores ligados a o Exame pedem demissão - Veja como fica a situação
Vai ter Prova do Enem em 2021 37 servidores ligados a o Exame pedem demissão – Veja como fica a situação. / Imagem: FDR.

Enem pode ser adiado? 

- Publicidade -

Muitas incertezas estão rondando o órgão responsável pela principal prova do país. A grande pergunta é: o Enem pode ser adiado em 2021?

É isso que os especialistas estão tentando responder depois do pedido de exoneração em massa que aconteceu no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Esse é o órgão responsável pelo Exame Nacional do Ensino Médio e na última semana teve 35 servidores pedindo desligamento. Essa já é considerada uma das maiores crises do MEC em todos os tempos. 

Isso pode afetar diretamente a aplicação do Enem que está marcada para os últimos dois domingos de novembro. 

- Publicidade -

Vai ter Enem 2021? Datas vão mudar?

De imediato, é importante responder a seguinte pergunta: afinal, vai ter Enem em 2021? Ao que tudo indica sim. O Inep e o MEC ainda não cogitaram a mudança da aplicação de prova para o ano que vem. 

As datas do Enem 2021 também não devem mudar. A logística já está muito avançada e uma mudança desse tamanho poderia gerar mais gastos e dificuldades na aplicação da prova. 

Portanto, até o momento, a prova do Enem em novembro segue nos dias 21 e 28. 

- Publicidade -

O que aconteceu para as demissões do Inep? Entenda

Mas por que aconteceram as demissões do Inep? Como lembra o jornal O Globo, os pedidos começam depois das denúncias de assédio moral por parte do presidente do órgão, Danilo Dupas. 

A primeira parte dos pedidos de demissão aconteceu com 13 servidores. Durante o dia, porém, outros 22 servidores também pediram exoneração. Somam-se a esses servidores outros dois que também pediram desligamento na semana passada. 

Com isso, um total de 37 pessoas que trabalhavam no Inep pediram para sair por diferentes motivos. Em um pedido formal entregue nesta semana, os servidores falam sobre “fragilidade técnica e administrativa da atual gestão máxima” do Inep.

- Publicidade -

Veja Também: Bolsas-Auxílio Cadastro: 30 mil vagas com bolsa de até R$ 600 a estudantes da rede pública

Como as demissões vão afetar o Enem 2021?

Em matéria do site, o Globo ouviu servidores que falaram sobre como as demissões vão afetar o Enem neste ano. A principal perda é, de imediato, dos coordenadores que deixaram setores como o monitoramento. 

Por exemplo: quando alguma região passa por algum problema de logística ou problema mais sério (desastre natural, por exemplo) os coordenadores que fazem essa “ponte”. Sem eles, isso pode ser um problema. 

A parte logística e de coordenação dos certificadores também pode ser prejudicada. Portanto, um resultado pode ser o atraso nas notas do Enem 2021 por conta desses pedidos de exoneração. 

Lembrando que as provas do Enem 2021 seguem marcadas para os dias 21 e 28 de novembro. 

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais