Profissão que sobreviverá à INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: Bill Gates confirma!

De acordo com o criador da Microsoft, poucos empregos sobreviverão à era das máquinas! Saiba tudo sobre a profissão que não será afetada pela Inteligência Artificial.

Bill Gates fala sobre Inteligência Artificial! De acordo com o criador da Microsoft, a maior parte das profissões atuais será extinta (ou altamente modificada) pelo advento da Inteligência Artificial. A afirmação do executivo, de antemão, faz todo sentido. Afinal de contas, na hora de contratar um funcionário humano ou um robô, as empresas sempre vão optar pelas máquinas – já que elas não questionam ordens e não possuem personalidades próprias.

Além disso, o custo que uma empresa tem com a “contratação” de robôs é bem menor do que o dos funcionários humanos. Os robôs podem trabalhar 24 horas por dia sem descanso e, é claro, sem férias. Por isso, nos próximos anos, bilhões de pessoas do mundo inteiro serão substituídas por máquinas no trabalho, o que deve resultar em um considerável aumento nas taxas de desemprego. Com isso em mente, confira abaixo a única profissão que vai escapar!

Conheça a profissão que, segundo Bill Gates, sobreviverá à Inteligência Artificial! Foto: divulgação
Conheça a profissão que, segundo Bill Gates, sobreviverá à Inteligência Artificial! Foto: divulgação

Quais carreiras serão substituídas pela Inteligência Artificial?

Antes de falar sobre a profissão que, de acordo com Bill Gates, sobreviverá à Inteligência Artificial, devemos listar, primeiramente, as posições de trabalho que serão substituídas por robôs.

Segundo as estimativas mais recentes do setor produtivo, bilhões de pessoas no mundo todo terão as carreiras substituídas pela Inteligência Artificial.

“Com sistemas da mesma natureza do Chat-GPT que vão surgir nos próximos anos, minha suposição é que provavelmente cerca de 80% dos trabalhos manuais se tornem obsoletos”, disse o cientista americano Ben Goertzel em um painel do Web Summit Rio.

Nos próximos 7 anos, inclusive, 30 profissões que, atualmente, são muito populares, devem ser extintas. Abaixo, você pode conferir a lista completa:

  • Caixas de supermercado;
  • Motoristas de caminhão;
  • Entregadores;
  • Recepcionistas;
  • Telefonistas;
  • Operadores de telemarketing;
  • Repórteres e jornalistas;
  • Contadores;
  • Auditores;
  • Operadores de caixa em lojas físicas;
  • Funcionários de linhas de produção;
  • Operadores de call center;
  • Arquivistas e bibliotecários;
  • Recepcionistas de hoteis;
  • Operadores de impressão e reprodução;
  • Assistentes administrativos;
  • Reparadores de eletrônicos;
  • Operadores de máquinas de fábrica;
  • Designers;
  • Redatores;
  • Revisores;
  • Editores;
  • Tradutores;
  • Copywriters;
  • Especialistas em UI e UX;
  • Vendedores de seguros;
  • Especialistas em marketing digital;
  • Desenvolvedores de aplicativos;
  • Profissionais de suporte técnico.

Veja também:  Pode COMEMORAR! Auxílio-gás está DE VOLTA em agosto: descubra quanto você poderá sacar

Para Bill Gates, Inteligência Artificial mudará para sempre o mercado de trabalho

De acordo com Bill Gates, o advento da Inteligência Artificial deve mudar para sempre o mercado de trabalho. Em meio ao processo de automação, inúmeras profissões serão extintas e bilhões de pessoas ficarão desempregadas.

As mudanças não param por aí! Nos próximos anos, a maior parte dos postos de trabalho será ocupada exclusivamente por robôs, o que pode ocasionar uma inegável sensação de desalento em todas as pessoas que, definitivamente, serão substituídas por máquinas.

Segundo o fundador da Microsoft, todas as áreas da vida econômica e social serão extremamente impactadas pela Inteligência Artificial. Por isso, para continuar trabalhando nas próximas décadas, a população mundial terá que se especializar nessa temática.

Na perspectiva de Bill Gates, em um futuro próximo, os humanos só ocuparão três segmentos profissionais. No entanto, para atuar em todas estas áreas, os trabalhadores precisarão ter uma considerável familiaridade com o universo da Inteligência Artificial.

Desse modo, veja abaixo os três segmentos profissionais que, segundo Bill Gates, englobarão todos os empregos humanos nos próximos anos:

  • Tecnologia (incluindo, é claro, a Inteligência Artificial propriamente dita);
  • Energia (com foco no desenvolvimento de fontes energéticas mais sustentáveis);
  • Biologia (principalmente no campo de pesquisas científicas).

Popularização da Inteligência Artificial é uma boa ou má notícia?

Como você já pôde perceber, o mercado de trabalho, nas próximas décadas, será completamente alterado pelo conceito de Inteligência Artificial.

Para Bill Gates, o advento da IA é uma boa notícia. Na perspectiva do magnata, com o uso da Inteligência Artificial, os profissionais poderão focar em “tarefas mais criativas e significativas”, já que as principais atividades do cotidiano serão desempenhadas por robôs.

Ainda de acordo com o bilionário, pessoas do mundo todo poderão reduzir a jornada de trabalho, passar mais tempo com a família e se estressar menos.

A opinião do executivo, no entanto, não é um consenso. Para muitos estudiosos da Inteligência Artificial, a tecnologia trará mais prejuízos do que benefícios para os trabalhadores. Afinal, em uma perspectiva capitalista, a função das empresas (principalmente as de grande porte) não é “ajudar” os funcionários, mas sim gerar lucro.

Nesse sentido, podemos dizer que, em vez de diminuir a jornada de trabalho dos funcionários, muitas empresas irão apenas substituir os trabalhadores humanos por robôs, economizando assim no pagamento de diversos benefícios.

Além disso, para continuar trabalhando, os profissionais, provavelmente, terão que se submeter a condições cada vez mais precárias, exigentes e abusivas de trabalho – já que um robô estará sempre pronto para substituí-los.

A longo prazo, o advento da Inteligência Artificial pode levar, inclusive, ao colapso do sistema econômico atual, com uma exponencial alta no número de desempregados, aumento no gasto dos Governos com seguridade social e revolta generalizada da população.

Bill Gates dá dicas para estudantes

Em um papo recente com a imprensa, além de revelar a profissão que sobreviverá à Inteligência Artificial, Bill Gates deu alguns conselhos para os estudantes que ainda estão ingressando no mercado de trabalho.

“Qualquer trabalho relacionado à Inteligência Artificial tem o potencial de moldar o futuro”, disse o executivo.

Em outras palavras, se você deseja se destacar no mercado de trabalho, é extremamente importante entender melhor os principais conceitos de Inteligência Artificial.

Para isso, você pode fazer cursos gratuitos pela internet e, com estes conhecimentos, chamar a atenção de recrutadores na hora de procurar emprego.

Veja também:  Consignado PROIBIDO? Nova lei que ACABA de ser APROVADA vai MULTAR bancos que fizerem empréstimo SEM autorização

Bill Gates revela a única profissão que sobreviverá à Inteligência Artificial

Por fim, temos o questionamento mais importante do público atual: afinal de contas, na perspectiva de Bill Gates, qual é a única profissão que sobreviverá à Inteligência Artificial?

De acordo com o bilionário, além dos cargos intimamente relacionados ao universo da tecnologia e da Inteligência Artificial, a outra profissão que se “salvará” na Era das Máquinas é a de Professor.

O motivo é muito simples: os professores podem desempenhar funções que, pelo menos até o momento, nenhuma máquina tem a capacidade de cumprir.

Essas funções incluem, por exemplo, a interação humana com os alunos, essencial para a formação dos estudantes. Por isso, de acordo com Bill Gate, o cargo de Professor está entre os únicos que devem sobreviver à era da Inteligência Artificial.

Portanto, se você deseja trabalhar em uma profissão que, provavelmente, não será extinta nos próximos anos, a carreira docente é uma boa alternativa.