Parcelas do Bolsa Família começarão a ser distribuídas a partir DESTA data

Caixa Econômica Federal já projeta o calendário de pagamento do programa social em janeiro

Desde sua eleição, o agora presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT), nunca escondeu sua vontade de trazer de volta seu maior programa social. Agora, com o iminente retorno do Bolsa Família, os beneficiários torcem para o lançamento da data de pagamento dos valores de R$ 600. Para saber mais sobre o assunto, continue nos acompanhando no texto a seguir.

bolsa família data
Parcelas do Bolsa Família tem possíveis datas definidas – Imagem: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Auxílio Brasil volta a ser Bolsa Família

A partir de janeiro, o atual Auxílio Brasil volta a ser chamado de Bolsa Família e deve novamente se consolidar como o maior programa social de transferência de renda da história do país. Por isso, essa checagem de dados é tão importante pois cadastros irregulares podem bloquear o benefício de brasileiros carentes que realmente precisam do benefício de R$ 600.

Além disso, Lula vai cumprir a promessa de criar um adicional de R$ 150 por criança de até seis anos dentro das famílias beneficiárias. Essa nova modalidade busca corrigir um erro e beneficiar mães solo que, em muitos dos casos, são as responsáveis por núcleos com vários membros, mas recebem o mesmo valor que um indivíduo integrante do programa por apenas morar sozinho.

Em resumo, os recursos para isso foram concretizados após a aprovação, tanto no Senado Federal quanto na Câmara dos Deputados, da chamada PEC da Transição. Com ela, mais de R$ 145 bilhões ficarão fora do teto de gastos da União e podem ser usados para a criação de benefícios populares e o aumento do salário acima da inflação.

Data de pagamento do Bolsa Família

Assim sendo, a Caixa Econômica Federal (CAIXA) já trabalha as datas a serem usadas para o pagamento do Bolsa Família em janeiro de 2023. O processo de de usar os últimos 10 dias úteis deve ser mantido com os repasses tendo início a partir de 18 de janeiro.

Lembrando que a ordem de pagamento ocorre de acordo com o número final do NIS de cada segurado. Confira abaixo:

                NIS – Data

  • Final 1: 18 de janeiro
  • Final 2: 19 de janeiro
  • Final 3: 20 de janeiro
  • Final 4: 23 de janeiro
  • Final 5: 24 de janeiro
  • Final 6: 25 de janeiro
  • Final 7: 26 de janeiro
  • Final 8: 27 de janeiro
  • Final 9: 30 de janeiro
  • Final 0: 31 de janeiro

Exigências para o novo programa

Por fim, todos sabem das mudanças que vão ocorrer no Bolsa Família. Sem dúvida, a principal delas envolve o nome do programa, mas não somente isso. Muitas das regras descritas abaixo foram flexibilizadas no governo do atual presidente Jair Bolsonaro e perderam o caráter social da empreitada focando apenas na renda das famílias. Assim sendo, confira as alterações:

  • Mudança imediata do nome do programa de Auxílio Brasil para Bolsa Família;
  • Manutenção da parcela de R$ 600 a partir de janeiro de 2023;
  • Parcela adicional de R$ 150 para cada criança de até 6 anos de idade nas famílias seguradas;
  • Atualização obrigatória da carteira de vacinação;
  • Comprovante de matrícula escolar com frequência alta;
  • Acompanhamento pré-natal para gestantes;
  • Ações socioeducativas para retirar crianças que se encontrem em situações de trabalho infantil;
  • Acompanhamento para mães que estejam amamentando.

Veja também: Bolsa Família mais rígido? Confira as novas exigências para receber as parcelas do programa social