Pagamento EXTRA do CadÚnico através do Caixa Tem: confira a lista de todos que receberão os valores

Milhares de brasileiros poderão finalmente ter acesso a um valor extra através do Caixa Tem. Para isso, é importante que atualizem dados no CadÚnico.

Uma excelente notícia chegou para mais de 21 milhões de beneficiários inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), que agora têm direito a um pagamento extra através do aplicativo Caixa Tem.

As parcelas, com valor mínimo de R$ 600, começaram a ser disponibilizadas, trazendo um alívio financeiro significativo para muitas famílias brasileiras em situação de vulnerabilidade.

Nesse sentido, se você ainda não tem certeza se vai receber, saiba como ter acesso aos pagamentos e como continuar recebendo nos próximos meses.

O CadÚnico está liberando mais pagamentos através do Caixa Tem neste mês. Confira quem pode receber!
O CadÚnico está liberando mais pagamentos através do Caixa Tem neste mês. Confira quem pode receber! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Como funciona o pagamento no Caixa Tem?

A princípio, o Bolsa Família, um dos programas mais reconhecidos de transferência de renda do governo federal, é o principal benefício pago pelo Caixa Tem.

O cronograma de pagamentos seguiu o dígito final do Número de Identificação Social (NIS), iniciando em 16 de fevereiro para aqueles com NIS final 1.

Serviços disponíveis no Caixa Tem

Além do saque, o Caixa Tem oferece uma gama de serviços aos beneficiários do Bolsa Família. É possível pagar boletos, realizar transferências via PIX, recarregar o celular, e fazer compras com o cartão de débito virtual, entre outros.

Entendendo as regras do Bolsa Família

Em síntese, o Bolsa Família é um programa do governo federal destinado a famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.

Para ser elegível, as famílias devem ter uma renda per capita de até R$ 178,00.

O programa exige o cumprimento de condicionalidades nas áreas de saúde e educação, como o acompanhamento do calendário nacional de vacinação e a frequência escolar mínima de 60% para crianças de 4 a 5 anos e de 75% para jovens de 6 a 18 anos.

Confira mais conteúdos: Bolsa Família CANCELADO? Comunicado anunciado HOJE (19/02) pega brasileiros com CPF de finais 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, e 0 de surpresa

Como se cadastrar

Ademais, para se cadastrar no Bolsa Família, é necessário estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Esse cadastro pode ser feito no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua residência.

É preciso levar documentos de todos os membros da família, como RG, CPF, certidão de nascimento das crianças, comprovante de residência e comprovante de renda.

Após o cadastro, o governo analisará se a família se enquadra nos critérios do programa para então iniciar o recebimento do benefício.

Elegibilidade e benefícios

Além disso, para ser elegível, as famílias devem cumprir compromissos nas áreas de saúde e educação, mantendo o CadÚnico atualizado.

O Bolsa Família inclui benefícios como o de Renda de Cidadania (BRC), Complementar (BCO), Extraordinário de Transição (BET), Primeira Infância (BPI), e Variável Familiar (BVF e BVN), garantindo um mínimo de R$ 600 por família.

Calendário de pagamentos de fevereiro

O pagamento segue um calendário específico, que em fevereiro teve início no dia 16, estendendo-se até o dia 29, conforme o final do NIS de cada beneficiário.

Esta medida assegura que o auxílio chegue a todos de maneira organizada e eficiente. Confira:

  • NIS com finalização em 1: 16 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 2: 19 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 3: 20 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 4: 21 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 5: 22 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 6: 23 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 7: 26 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 8: 27 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 9: 28 de fevereiro;
  • NIS com finalização em 0: 29 de fevereiro.

Por fim, este pagamento extra pelo Caixa Tem é uma iniciativa louvável que visa fortalecer o suporte às famílias mais necessitadas, demonstrando o compromisso contínuo do governo em prover assistência e melhorar as condições de vida dos cidadãos brasileiros.

Veja mais: Comunicado para Brasileiro que tem filhos e recebem o Bolsa Família: você PRECISA ficar sabendo