Novo valor do PIS/Pasep para trabalhadores? Saiba quanto e quando você recebe!

Saiba mais sobre o novo valor do PIS/Pasep. Leia!

Os trabalhadores que atuam com carteira assinada, isto é, que realizam suas funções laborais a partir da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT – podem contar com o abono salarial do PIS/Pasep. Assim, todos os anos os trabalhadores que têm direito recebem um valor em suas contas.

O PIS é pago para os trabalhadores da iniciativa privada, com a responsabilidade do banco da Caixa. Já o Pasep é de responsabilidade do Banco do Brasil e ele se volta para quem trabalha no funcionalismo público. Vale a pena lembrar que há, ao todo, cerca de R$ 400 milhões disponíveis para o resgate. Além disso, quase meio milhão de trabalhadores pode sacar o valor.

Novo valor do PIS/Pasep para trabalhadores? Saiba quanto e quando você recebe!
Novo valor do PIS/Pasep já está confirmado? Imagem: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Quais os valores?

O valor pago aos trabalhadores varia de acordo com o tempo de serviço que eles desempenharam no ano base. O valor máximo pago é de um salário mínimo, mas cada mês equivale a 1/12 avos dessa quantia.

Isso quer dizer que quem trabalhou durante os 12 meses, recebe R$ 1.212. Por outro lado, quem trabalhou apenas um mês, o mínimo, tem direito a R$ 101. Confira abaixo a distribuição dos meses e dos valores:

  • 1 mês : R$ 101
  • 2 meses: R$ 202
  • 3 meses: R$ 303
  • 4 meses: R$ 404
  • 5 meses: R$ 505
  • 6 meses: R$ 606
  • 7 meses: R$ 707
  • 8 meses: R$ 808
  • 9 meses: R$ 909
  • 10 meses: R$ 1.010
  • 11 meses: R$ 1.111
  • 12 meses: R$ 1.212

Veja também: Brasileiros que tiveram a carteira assinada em 2021 em breve vão receber o PIS/Pasep: confira as datas!

Quem tem direito?

  • Ter recebido a remuneração média de no máximo dois salários mínimos no ano-base;
  • As informações devem ter sido devidamente registradas no e-Social ou Rais, passo feito pela empresa ou pelo empregador;
  • Ter trabalhado por ao menos período trinta dias considerando o ano-base em questão;
  • Ter inscrição pelo período mínimo de 5 anos no PIS/Pasep, também com relação ao ano-base.

Como consultar?

A consulta varia de acordo com a modalidade em que o trabalhador se encontra. Se a modalidade for do Pasep, então a consulta pode ser feita pelos canais de comunicação do Banco do Brasil:

  • Site do Pasep: https://bityli.com/xDotWvWJi;
  • Número de atendimento do BB para capitais e regiões metropolitanas: 4004 0001;
  • Para as demais regiões: 0800 729 0001;
  • Para os deficientes auditivos de qualquer região: 0800 729 0088.

Já para aqueles trabalhadores que fazem parte do PIS, é necessário utilizar os canais de comunicação da Caixa:

  • Pelo site oficial: https://www.caixa.gov.br/Paginas/home-caixa.aspx;
  • Aplicativo Caixa Trabalhador: https://bityli.com/lyJtnm;
  • Pelo telefone para o atendimento da Caixa: 0800 726 0207.

O prazo para realizar o saque dos valores termina no dia 29 de dezembro e ele está disponível com relação ao ano-base de 2020. Assim, o calendário oficial se encerrou em março desde ano, mas muitos trabalhadores não sacaram. Por esse motivo, é possível sacar até a nova data.

Novo valor do PIS/Pasep

O valor pago do abono salarial varia todos os anos de acordo com o reajuste do salário mínimo. Por essa razão, este ano o teto do pagamento é de R$ 1.212,00. No entanto, no próximo ano esse valor se alterará para o novo piso do salário nacional, já que o salário mínimo sofre reajustes todos os anos.

Ainda não é possível confirmar o valor, já que o Governo Federal tem até o fim do ano para determiná-lo. Contudo, já foram feitas várias previsões iniciais, sendo que uma delas consta no orçamento do Governo enviado ao Congresso Nacional.

Se a previsão salarial se mantiver conforme o texto, ele poderá ser de R$ 1.302 no próximo ano, porém ainda é preciso aguardar por confirmações para saber qual será o novo valor do PIS/Pasep.

Veja também: Aprenda a consultar e descubra se você tem direito ao PIS EXTRA: milhares de brasileiros já sacaram!