Novo CHIP CEREBRAL? Saiba do que se trata a tecnologia

Elon Musk quer implantar chips cerebrais em humanos dentro de seis meses: segundo o bilionário, um dispositivo desenvolvido pela Neuralink pode devolver o movimento de pessoas com paralisia e a visão para aqueles que não enxergam.

0

Em 2021, Elon Musk fez uma de suas apostas mais ousadas no mundo da tecnologia: a Neuralink, empresa comercial de neurotecnologia que ele co-fundou em parceria com outros oito empresários. A empresa projetou um microchip a ser implantado no cérebro humano para funcionar como uma interface, com engrenagem.

Polêmica, a tecnologia, ainda em fase de testes, foi demonstrada primeiro em porcos e depois implantada em símios, gerando polêmicas cada vez maiores entre neurocientistas e pesquisadores. No final do ano passado, em entrevista ao The Wall Street Journal, o bilionário disse que estava chegando a hora de implantar um chip do tamanho de uma moeda em uma pessoa. Leia a matéria e entenda os planos dele.

Novo CHIP CEREBRAL? Saiba do que se trata a tecnologia
A tecnologia avança cada vez mais: Foto: divulgação

Após testar em porcos e macacos, Neuralink vai começar a implantar chips cerebrais em seres humanos

Tudo sinaliza que chegou a hora. Nesta quarta-feira (30), em entrevista à agência de notícias Reuters, o empresário sul-africano disse que um aparelho desenvolvido pela Neuralink deve começar os testes clínicos em humanos em seis meses. Segundo Musk, um de seus primeiros objetivos era restaurar a visão.

A interface do microchip desenvolvido pela Neuralink pode ajudar pacientes com deficiencia a recuperar o movimento e a comunicação de acordo com o bilionário.

Elon Musk e a Neuralink

Com efeito, Musk declarou que quer ser extremamente cuidadoso e garantir que funcione bem antes de colocar um dispositivo em um ser humano. Todavia ele acha que submeteu a maior parte da documentação ao FDA . Acha ainda que provavelmente em cerca de seis meses podemos todavia ter o primeiro Neuralink em um ser humano.

FDA significa Food and Drug Administration e é uma forma da agência Nacional de Vigilância Sanitária dos Estados Unidos (Anvisa). A Reuters procurou o grupo, mas não respondeu a um pedido de comentário. Além de restaurar a visão, outra aplicação humana que o dispositivo visa agora é permitir o movimento muscular em pessoas que não conseguem, de acordo com Musk.

Veja também: Confira as 5 profissões que mais tem vagas SOBRANDO no Brasil!

Acredita-se que é possível dar a visão a cegos com a Neuralink

No futuro, ele quer desenvolver um chip que permita, antes de tudo, ao cérebro controlar aparelhos eletrônicos complexos e, finalmente, restaurar a função motora do paralisado. doenças cerebrais como Parkinson, demência e Alzheimer podem se tratar com esta tecnologia.

Musk também fala sobre a fusão do encéfalo humano com a inteligência artificial. Essa é outra ideia de um empresário pouco ortodoxo sofrendo de megalomania ou será realidade nos próximos anos? Em entrevista veiculada pelo Clubhouse, Elon Musk falou sobre uma façanha da Neuralink: implantar um chip de computador no cérebro de um macaco para que o animal pudesse jogar videogames mentais.

A saber: o bilionário garante que não se trata de um macaco infeliz, porque o implante é muito fino. Musk explicou que o microchip inegavelmente permite que as interfaces eletrônicas fossem se controlem sem fio. Isso elimina todavia a possibilidade de contaminação que pode ocorrer com condutores emergentes de materiais orgânicos, em conclusão.

Veja também: Você sabia que é possível ganhar dinheiro JOGANDO games através do seu celular? Confira as opções!