Confira as principais novidades do NOVO BOLSA FAMÍLIA no 2º SEMESTRE de 2021: Valor, quem vai receber e quem vai ficar de fora

Vinicius Colares
Atualizado Hoje!

Confira as principais novidades do NOVO BOLSA FAMÍLIA no 2º SEMESTRE de 2021: Saiba como vai ficar o pagamento após a reformulação do Benefício! 

O assunto do momento ainda é o Auxílio Emergencial do Governo Federal. Mas milhões de brasileiros também devem ficar atentos para as últimas informações do novo Bolsa Família que deve começar no segundo semestre de 2021. 

O principal programa de renda do país deve passar por reformulações e a ideia é que mais de 300 mil novos beneficiários comecem a receber neste período. Saiba o que foi divulgado até o momento e quais são as novidades do programa. 

Confira as principais novidades do NOVO BOLSA FAMÍLIA no 2º SEMESTRE de 2021
Imagem: Marcos Rocha/ FDR/Divulgação

Novo Programa Bolsa Família 2021

Esqueça o Renda Brasil ou qualquer tipo de ação com nome diferente: o presidente Jair Bolsonaro confirmou um novo Programa Bolsa Família 2021. O principal distribuidor de renda do país vai manter o nome original, mas passará por algumas reformulações. 

Desde o final de 2020 esse está sendo o foco do Ministério da Cidadania. Em novembro do ano passado, por exemplo, foi confirmado um reforço de R$ 5,73 bilhões apenas para investimento no programa. 

Com isso, novos beneficiários do Bolsa Família devem ser confirmados no início do segundo semestre. Segundo dados do ex-ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, são aguardados mais 300 mil novos cadastros imediatos para o programa. 

Isso quer dizer que a fila de espera (que é grande) deve andar e garantir pagamentos para milhares de brasileiros de norte a sul. 

Quem vai receber Novo Bolsa Família 2021

Mas então quem vai receber o novo Bolsa Família 2021? Os méritos e requisitos do programa devem permanecer os mesmos. A única diferença, porém, é que agora o Governo Federal possui dados de milhões de brasileiros que estavam “invisíveis”, como diz o ministro Paulo Guedes. 

São milhões de brasileiros que estão recebendo o Auxílio Emergencial agora por conta de atuação como informais. Muitos desses beneficiários não recebiam Bolsa Família e contaram com ajuda do Governo pela primeira vez apenas em 2020, com o auxílio. 

A ideia é que sejam adicionados e possam passar a receber o Bolsa Família em 2021:

  • Trabalhadores informais que estão em situação de pobreza ou extrema pobreza; 
  • Desempregados com renda familiar de, no máximo, R$ 89,00 por pessoa; 
  • Mães chefes de família em situação de pobreza ou extrema pobreza. 

Quem não vai receber novo Bolsa Família 2021

Mas e quem vai ficar de fora do Bolsa Família em 2021? Essa nova reformulação pretende abarcar quem recebia o Auxílio e depois dele vai ficar sem nenhum tipo de renda temporariamente. 

O problema é que o número de pessoas nessa situação beira os milhões. Ou seja, não é possível abarcar todos no programa que já paga para aproximadamente 14 milhões de pessoas e que possui uma longa fila de espera. 

Quem não vai receber o novo Bolsa Família serão trabalhadores formais, pessoas com renda superior ao considerado pobreza ou extrema pobreza e pessoas com cadastro desatualizado no Cadastro Único (CadÚnico). 

Quando vai começar novo Bolsa Família 2021

Por fim, quando vão começar os pagamentos do novo Bolsa Família em 2021? Nos bastidores do Governo Federal, a ideia é conciliar esses novos valores com o fim do período do Auxílio Emergencial – que vai até julho. 

Por isso, o começo do novo Bolsa Família deve acontecer em agosto. O programa está sendo editado neste momento e deve ser lançado oficialmente já a partir deste mês de forma estratégica. 

Importante: essa informação ainda não foi oficializada pelo Ministério da Cidadania ou Governo Federal. É necessário aguardar a confirmação oficial que confirme essa previsão. 

Auxílio Emergencial de R$600 na SEGUNDA PARCELA em MAIO: Confira a proposta e tudo sobre a volta do valor…

 

Leia Também