- Publicidade -

Novidade! Fies 2022 não usará nota da edição passada do Enem: Veja como se inscrever

Só poderão fazer a inscrição, o estudante que realizou alguma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre os anos de 2010 e 2020. Leia mais!

0

Estudantes que participaram da edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 vão precisar esperar até o segundo semestre deste ano para terem acesso ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). É isso que informa o Ministério da Educação (MEC) em nota divulgada à imprensa.

- Publicidade -

Segundo o MEC,  para efetuar a inscrição é necessário que o estudante tenha realizado alguma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) entre os anos de 2010 e 2020. Outro requisito é que participante precisa ter notas iguais ou acima de 450 pontos e nota diferente de zero na redação.

Um dos critérios para ter direito ao financiamento é ter renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa. No total, o Fies oferece 66.555 vagas no primeiro semestre e 44.370 vagas no segundo semestre.

Apesar de ter divulgado as regras, o Ministério da Educação (MEC) ainda não publicou o edital do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) no Diário Oficial da União (DOU). Porém, é importante que os estudantes fiquem atentos às datas de inscrições, que deverão acontecer entre janeiro e fevereiro (antes da divulgação das notas das provas do Enem).

Novas regras do Fies em 2022
Os estudantes devem ficar atentos às novas regras do Fies. / Imagem: Divulgação

- Publicidade -

Como se inscrever no Fies 2022

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do governo federal, que concede financiamento a estudantes matriculados regularmente em universidades privadas e com avaliação positiva nos processos conduzidos pelo MEC.

O estudante só consegue se inscrever no Fies após se cadastrar no Portal gov.br. Apenas esse site possibilitará o acesso ao Portal Fies (pfies.mec.gov.br/). As inscrições para o Fies ocorrem duas vezes por ano, antes do início das aulas em cada semestre.

O financiamento poderá ser:

- Publicidade -

  • Total (FIES)
  • Parcial (P-FIES)

Para ter direito ao Fies, os interessados devem atender o perfil exigido pelo governo federal. Conheça:

  • O estudante deve estar matriculado em um curso superior. Eles também precisam ter uma avaliação ótima no MEC;
  • Estudantes com renda familiar máxima de três salários mínimos mensalmente.

Lembramos que os estudantes beneficiados pelo Fies podem receber o benefício integral, ou seja, sem precisar pagar nenhuma mensalidade durante todo o curso. Ou podem ser beneficiados com o parcial. Neste caso, o governo paga apenas uma porcentagem do curso e o aluno paga a outra parte. Independentemente se integral ou parcial, ao concluir o curso, o estudante começa a pagar o benefício de forma parcelada.

- Publicidade -

Para se inscrever, acesse o Portal Fies (pfies.mec.gov.br/).

Veja também: MEC Anuncia Mais De 110 Mil Vagas Para O Primeiro E Segundo Semestre

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais