Novas regras do Encceja 2023 foram divulgadas: saiba tudo sobre o Exame que garante o término dos estudos

Neste ano haverá mais uma edição do Encceja e, por isso, o Inep já divulgou as novas regras do programa. Veja quais são!

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) já divulgou quais são as novas regras de realização do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). Agora, os estudantes que prestarão a prova devem ficar atentos às datas.

Inclusive, se você é um dos que ia realizar o exame no ano anterior e faltou, saiba como proceder para ter direito de realizá-la novamente sem precisar pagar por nada. Acompanhe a matéria!

A edição deste ano do Encceja está prestes a acontecer e o Inep finalmente divulgou novas informações sobre o certame. Veja o que mudou e não perca as datas!
A edição deste ano do Encceja está prestes a acontecer e o Inep finalmente divulgou novas informações sobre o certame. Veja o que mudou e não perca as datas! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Novas regras para realização do Encceja em 2023

O Encceja está próximo e aqueles que quiserem realizar o exame neste ano, que acontecerá no dia 27 de agosto, devem se tentar às novas regras divulgadas pelo Inep, responsável pela aplicação da prova. Basicamente, o exame se destina a todos os jovens ou adultos que queiram se formar nos ensinos médio ou fundamental.

No caso, para ter acesso à prova de ensino fundamental, é importante que o candidato tenha quinze anos completos no dia do exame. Aqueles que realizarão a prova do ensino médio devem ter, no mínimo, dezoito anos. A participação em ambos os casos é voluntária e totalmente gratuita, visto que esse é um meio de ajudar aqueles que não tiveram a oportunidade de finalizar os estudos.

Ademais, neste ano o exame contará com algumas novidades importantes, como a possibilidade de solicitar um cartão-resposta adaptado para pessoas com deficiência visual, aproveitamento de laudos das provas do ano anterior para solicitação de atendimento especial e correção diferenciada da redação, no caso de participantes autistas. Além disso, não haverá comprovação documental comprobatória para pessoas trans e travestis que tenham nome social.

As inscrições deste ano ocorrerão entre os dias 22 de maio e 2 de junho. Este também será o período em que os interessados poderão solicitar qualquer tipo de atendimento especial, como as provas adaptadas e a correção diferenciada.

Veja também: Novas vagas do SENAC: estude de forma totalmente gratuita e melhore seu currículo

O que acontece com quem faltou no ano anterior?

Por fim, vale destacar que os alunos que prestariam a prova no ano anterior, mas que, pro algum motivo, não conseguiram comparecer, devem justificar a razão de sua ausência. Essa justificativa é importante para que o interessado consiga realizar a prova de forma gratuita.

Isto porque, aqueles que não realizarem ou tiverem a justificativa negada terão que pagar uma taxa de R$ 40 para ressarcir o Inep com o gasto das provas. Para isso, basta seguir o passo a passo abaixo:

  • Primeiramente, acesse o site do Encceja (https://bityli.com/fVf7jv);
  • Em seguida, clique na opção de “Justificativa de ausência”;
  • Neste momento, entre no sistema com seu CPF e senha;
  • O próximo passo é preencher um formulário, informando todos os dados que forem necessários;
  • Também envie documentos, se houver, que sirvam para justificar a ausência no dia da prova;
  • Por último, finalize e aguarde a resposta do Inep.

Veja também: Encceja 2023 tem novas regras divulgadas; veja como será o exame