Não gosta de andar com documentos? Veja QUAIS é possível manter APENAS em versão digital: suspensa papéis físicos!

Andar com documentos o dia todo por aí pode ser um incômodo para muitas pessoas. Felizmente, há alguns que permitem acesso apenas na versão digital.

Organizar a vida financeira pode parecer um labirinto de papéis e recibos, especialmente com o passar dos anos.

Entretanto, a era digital nos oferece uma solução prática e eficaz: a digitalização de documentos financeiros.

Confira a seguir as vantagens dessa prática e entender quais documentos podem ser mantidos apenas no digital, garantindo mais segurança e facilidade no seu dia a dia.

Cansado de andar com documentos para cima e para baixo? Veja quais versões você pode manter no formato digital.
Cansado de andar com documentos para cima e para baixo? Veja quais versões você pode manter no formato digital. / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Vantagens da digitalização de documentos financeiros

A digitalização traz inúmeros benefícios que vão além da mera organização.

Primeiramente, a acessibilidade: documentos digitais são fáceis de buscar e acessar, o que economiza tempo na hora de encontrar o que você precisa.

Além disso, a economia de espaço é significativa, já que arquivos digitais não ocupam espaço físico em sua casa ou escritório.

Por último, mas não menos importante, a segurança: documentos digitais não correm o risco de serem perdidos em incêndios, inundações ou outros desastres naturais.

Mantendo cópias de segurança atualizadas em locais como nuvens digitais, você garante que suas informações estarão seguras e acessíveis.

Não perca: Errou no Pix? Aprenda como resolver essa situação e ter o seu dinheiro de volta

Documentos que podem ser digitalizados

  1. Faturas e recibos de compras online: As faturas de compras online servem como prova de compra e são essenciais para garantias ou em caso de disputas sobre o produto ou serviço adquirido. Manter esses documentos em formato digital é prático e totalmente aceitável legalmente.
  2. Extratos bancários e de cartão de crédito: Os extratos são vitais para o gerenciamento financeiro e para a verificação de atividades suspeitas. Além disso, são importantes para declarações fiscais e comprovação de renda. Com a maioria dos bancos oferecendo fácil acesso aos extratos online, manter uma cópia digital assegura que você terá o documento necessário sempre à mão.
  3. Comprovantes de pagamento: Guardar comprovantes de pagamento digitalmente ajuda a prevenir discussões sobre cobranças indevidas e pagamentos duplicados. Estes registros são importantes também para construir um histórico financeiro confiável, útil em solicitações de empréstimos ou financiamentos.
  4. Declarações de Imposto de Renda: As declarações de imposto são fundamentais para o acompanhamento fiscal ao longo dos anos. Manter esses documentos digitalmente permite um acesso rápido durante o período de declaração ou em qualquer consulta futura.
  5. Contratos de empréstimos e financiamentos: Os contratos detalham obrigações e direitos em transações financeiras e são necessários para a comprovação de compromissos financeiros. A digitalização desses documentos permite revisões e consultas rápidas, além de assegurar a integridade das informações contidas.
  6. Documentos de investimentos: Investidores precisam de registros detalhados de transações para monitoramento de desempenho e declaração fiscal. A digitalização desses documentos facilita o gerenciamento de portfólio e a conformidade com regulamentações fiscais.
  7. Comprovantes de salários e rendimentos: Estes documentos são essenciais para comprovar renda, solicitar benefícios trabalhistas e realizar planejamento financeiro. A versão digital é prática para consultas e verificações rápidas.

Veja também: Como funciona o pagamento do TikTok por visualização? Torne-se um influenciador e ganhe MUITO dinheiro na plataforma!

Cuidados na digitalização

Enquanto a digitalização oferece muitas vantagens, é crucial manter cópias de segurança e atualizá-las regularmente.

Serviços de nuvem são recomendados para armazenamento devido à sua segurança e acessibilidade. Portanto, lembre-se de se proteger.

Documentos que devem ser mantidos em formato físico

Apesar das vantagens da digitalização, alguns documentos devem ser mantidos em formato físico devido a exigências legais, como escrituras de imóveis, certificados de veículos, contratos originais e documentos de identidade.

Ainda assim, manter uma cópia digital desses documentos pode ser útil para acessos rápidos ou em situações emergenciais.

Em resumo, a digitalização de documentos financeiros é uma prática que oferece mais segurança, organização e praticidade.

Adotando essa prática, você pode melhorar significativamente o gerenciamento de suas finanças pessoais, garantindo que informações importantes estejam sempre ao seu alcance, de forma segura e eficiente.

Acompanhe mais: Presente de R$ 300 para mães inscritas no Bolsa Família; veja como receber