Mudanças no Fies – Novidades começam a valer a partir de 2021!



Saiba como conseguir um financiamento em um curso superior através deste programa do MEC!

Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo é necessário que você tenha um bom currículo para obter bons salários. Por isso muitas pessoas procuram programas do Governo Federal que oferecem vagas no ensino superior como é o caso do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Essa é uma ótima maneira de conseguir ajuda para pagar mensalidades em cursos de graduação e conseguir ter uma formação superior. Mas para isso é importante também saber quais são as mudanças no Fies que estão acontecendo.

A seguir vamos trazer mais informações sobre as novas regras que divulgadas pelo Ministério da Educação (MEC). Fique ligado e saiba como mudar sua vida profissional a partir de um bom financiamento.

Mudanças no Fies
Foto: Divulgação

Novas Regras Fies

Foram divulgadas novas regras do Fies! O Ministério da Educação lançou detalhes sobre as novas reformulações do Fundo de Financiamento Estudantil e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies).

Algumas novidades deverão acontecer já no segundo semestre de 2020 enquanto outras só serão aplicadas em 2021. É o caso da exigência de uma nota mínima na redação do Enem. Hoje em dia é necessário apenas ter uma nota acima de zero para participar, mas o MEC definiu uma nota mínima a partir de outras edições.

A partir de 2021, portanto, todos os interessados em conseguir financiamento no ensino superior pelo Fies deverão ter pelo menos 400 pontos na redação do Exame Nacional do Ensino Médio. A média de 450 pontos nas provas objetivas segue a mesma e não deverá aumentar.

Regras Fies

As outras novidades nas regras do Fies já devem acontecer a partir do segundo semestre de 2020. Essas informações foram divulgadas no Diário Oficial da União (DOU), no dia 27 de dezembro de 2019.

As maiores novidades do Fundo de Financiamento e do P-Fies para o segundo semestre deste ano são:

  • Ausência de limitação de renda do P-Fies (de acordo com as regras atuais só pode participar quem possui renda familiar de até cinco salários mínimos);
  • Falta de exigência de participação no Exame Nacional do Ensino Médio para conseguir adquirir o financiamento – no caso específico do P-Fies;
  • Todos os estudantes interessados poderão solicitar o P-Fies em qualquer época do ano;
  • Independência em relação aos processos do Fies.

Saiba mais sobre o cronograma Fies e P-Fies 2020:

https://pronatec.pro.br/fies-e-p-fies-2020-confira-o-cronograma-oficial-para-fazer-as-inscricoes/

 

Leia Também