Montante de R$ 702,00 pode estar sendo DESPERDIÇADO por muitos brasileiros neste mês; será que você tem direito

Os brasileiros que se enquadram nos critérios, podem ter acesso a um montante de R$ 702 do Governo Federal. Confira a elegibilidade.

Em abril, um benefício essencial permanece inexplorado por muitos brasileiros: o montante de R$ 702.

Devido à falta de informação sobre o processo de agendamento e recadastro, muitas famílias estão deixando de lado essa assistência financeira crítica. Exploraremos as etapas necessárias para garantir esse suporte, enfatizando a importância do CadÚnico e do CRAS no acesso a esses programas.

Montante de R$ 702,00 pode estar sendo DESPERDIÇADO por muitos brasileiros neste mês; será que você tem direito
Saiba quais brasileiros podem ter acesso ao montante de R$ 702 – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Saiba quem pode receber o montante de R$ 702 do Governo Federal

O governo federal destina um montante de R$ 702 às famílias brasileiras este mês – R$ 600 do Bolsa Família e R$ 102 do Auxílio Gás. 

Apesar da clara necessidade, muitos estão deixando de lado essa ajuda financeira vital devido à complexidade do processo de agendamento e recadastramento. 

O desconhecimento sobre os procedimentos adequados para acessar esses fundos é a principal barreira que impede muitas famílias de aproveitar essa oportunidade.

O papel do CadÚnico e do CRAS no montante de R$ 702

O Cadastro Único (CadÚnico) funciona como a chave de entrada para uma gama de assistências sociais oferecidas pelo governo. 

Através dele, famílias em situação de vulnerabilidade podem se qualificar para receber o Bolsa Família, o Auxílio Gás, e outros programas. 

O processo envolve um agendamento cuidadoso e a submissão de documentação pertinente, etapas essenciais para a inclusão nesses programas. 

Dessa forma, a inscrição no CadÚnico acontece por meio do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social). 

Documentação e agendamento

Para agendar, é necessário que o responsável pela família, preferencialmente uma mulher acima de 16 anos, apresente CPF ou título de eleitor, juntamente com os documentos de identificação de todos os membros da família. 

Esse processo é vital para o cadastro ou a atualização de informações já existentes.

Não perca essa chance

Ignorar o montante de R$ 702 oferecidos pelo governo é uma oportunidade perdida que muitas famílias brasileiras não podem se dar ao luxo. 

Compreender o processo de agendamento e recadastro no Bolsa Família é crucial para garantir que esses recursos necessários cheguem a quem realmente precisa. 

Neste momento crítico, cada passo tomado em direção a assegurar esses benefícios representa um avanço importante na luta contra a vulnerabilidade financeira.

Calendário do Bolsa Família 

O montante de R$ 702 (Bolsa Família e Auxílio Gás) vai ser pago de acordo com o NIS do beneficiário. 

  • NIS final 1: 17 de abril
  • NIS final 2: 18 de abril
  • NIS final 3: 19 de abril
  • NIS final 4: 22 de abril
  • NIS final 5: 23 de abril
  • NIS final 6: 24 de abril
  • NIS final 7: 25 de abril
  • NIS final 8: 26 de abril
  • NIS final 9: 29 de abril
  • NIS final 0: 30 de abril

Veja também: Veja como SOLICITAR o acréscimo de R$ 150,00 no Bolsa Família você pode ter direito e não sabe

Entenda os valores do Bolsa Família 

O montante de R$ 702 é o valor base do benefício. Contudo, além dos R$ 600 do Bolsa Família e R$ 102 do Auxílio Gás, os brasileiros podem contar com outros benefícios. Confira. 

  • Benefício de Renda de Cidadania (BRC): R$ 142 por pessoa na família.
  • Benefício Complementar (BCO): Garante que todas as famílias beneficiadas recebam no mínimo R$ 600.
  • Benefício Extraordinário de Transição (BET): Assegura que nenhum beneficiário receba menos do que o previsto pelo programa anterior, Auxílio Brasil, até maio de 2025.
  • Benefícios de R$ 50 específicos para crianças e gestantes, visando fortalecer o suporte às fases críticas de desenvolvimento.
  • Por fim, BPI (Benefício Primeira Infância) de R$ 150 para crianças de até seis anos de idade. 

Veja também: Parcela TRIPLA do Bolsa Família? Veja quem vai receber os pagamentos RECHEADOS!