Minha Casa Minha Vida

Minha Casa, Minha Vida – 3 Mil novas vagas através do Programa, confira!

Para participar é necessário inscrever-se ou atualizar o cadastro

Existem alguns sonhos que fazem parte da vida de todos os brasileiros, independentemente da região em que moram. Um desses é o sonho da casa própria. Um programa que influencia diretamente na vida de muito que ainda buscam sua residência é o Minha Casa Minha Vida.

Milhares de cidadãos já foram beneficiados e conseguiram conquistar o seu espaço através do programa criado pelo Governo Federal. Todo o ano são outras centenas de brasileiros que contam com novas oportunidades de garantir sua casa própria.

Neste momento surgiram outras milhares de chances para quem ainda pretende realizar este sonho e fazer a inscrição Minha Casa Minha Vida. São oportunidades abertas para quem pretende inscrever-se ou atualizar o cadastro. Confira!

Programa Minha Casa Minha Vida

A Prefeitura de Salvador, no Estado da Bahia, está com seleção aberta para 3 mil vagas voltadas ao Programa Minha Casa Minha Vida. A informação foi divulgada oficialmente no Diário Oficial do Município (DOM), no dia 28 de junho.

Minha Casa Minha VidaAs chances estão disponíveis para os residenciais Margaridas, Recanto do Luar, CEASA III, IV e V, em diferentes bairros da capital da Bahia. A seleção deverá acontecer no dia 10 de julho de 2017.

Todos os interessados em participar devem fazer a inscrição. Quem já possui o cadastro anterior, deve atualizá-lo e manter estes dados atualizados até o dia que antecede o sorteio. As inscrições são todas feiras de forma online, assim como a atualização. As inscrições Minha Casa Minha Vida também podem ser feitas nas Prefeituras-Bairro.

Cadastro Minha Casa Minha Vida

Programa Minha Casa Minha VidaPara fazer o Cadastro Minha Casa Minha Vida é necessário estar com CPF, RG e certidão de nascimentos dos filhos menores de 18 anos (além do comprovante de residência) em mãos. O candidato deve sempre entregar informações verdadeiras já que são exigidas as comprovações dos dados no momento em que houver a convocação.

Receberão prioridades na seleção as famílias que estão em situação de rua e que recebem acompanhamento socioassistencial do Distrito Federal, estados ou municípios – ou ainda, instituições privadas sem fins lucrativos. Essas últimas devem ter certificação de entidade beneficente de assistência social e devem trabalhar em parceria com o poder público.

Para conferir mais informações, acesse: http://casavida.salvador.ba.gov.br/

 

Leia Também