Mães chefes de família tem direito a retroativo de R$ 1.200: Veja como receber

Atualizado Hoje!

Mães chefes de família tem direito a retroativo de R$ 1.200: Veja todos os detalhes sobre os pagamentos retroativos que podem ser liberados! 

É oficial: está valendo a nova Lei 14.171/21 que garante o pagamento do Auxílio Emergencial retroativo para mães chefes de família. A grande novidade é que pais também poderão receber até R$ 1.200. 

Entenda exatamente como vai funcionar a aplicação dessa lei e quem poderá receber esses valores. Confira o que diz o texto que foi vetado pelo presidente Jair Bolsonaro, mas que teve o veto derrubado pelo Congresso. 

Mães chefes de família tem direito a retroativo de R$ 1.200
Imagem: Divulgação

Como receber o retroativo do Auxílio Emergencial 

Pais e mães chefes de famílias estão fazendo a mesma pergunta neste momento: como receber o retroativo do Auxílio Emergencial? Agora esses depósitos estão garantidos por lei (14.171/21). 

Esse novo texto está prevendo o pagamento de pessoas que não receberam parcelas do Auxílio Emergencial em 2020. Muitas famílias monoparentais (em que só um pai ou mãe é responsável pelos filhos) tiveram problemas ano passado. 

Em algumas situações, por exemplo, pais fizeram os cadastros antes das mães (que tinham guarda dos filhos) e ficaram com o dinheiro. O contrário também aconteceu. Por isso o pagamento retroativo do Auxílio Emergencial vai liberar duas parcelas para essa população. 

Quem pode receber retroativo Auxílio Emergencial

A dúvida que ficou para muitas pessoas é: então quem pode receber o retroativo do Auxílio Emergencial? Existem alguns cenários em que é possível acontecer o pagamento desses valores. 

Os principais casos em que o pai ou mãe pode receber o Auxílio Emergencial retroativo são:

  • Conflito de informações da guarda dos filhos: quando o pagamento foi indevido para o pai que não possuía a guarda; 
  • Fraudes: quando criminosos receberam o auxílio no lugar da mãe ou pai que teria direito;
  • Conflito da guarda e declaração do mesmo dependente: quando isso acontece, o pagamento retroativo vai para a mãe chefe de família;
  • Caso aconteçam pagamentos em duplicidade, o pai ou mãe deve fazer a devolução dos valores.

Retroativo do Auxílio Emergencial Como receber

Como a Lei 14.171/21 foi aprovada recentemente, a Caixa ainda não deu detalhes sobre como os beneficiários vão receber o retroativo do Auxílio Emergencial. De imediato, a ideia é que os valores sejam disponibilizados automaticamente. 

O que está confirmado é o atendimento para mães que tiveram Auxílio Emergencial roubado ou subtraído por outra pessoa. Agora a Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência também vai lidar com esses casos. 

Ou seja, mulheres que tiveram o dinheiro extraviado ou roubado podem ligar para o 180. Esse segue sendo um número de utilidade pública para enfrentamento à violência contra a mulher. Denuncie se souber de alguma violência deste tipo. 

Confira também como Consultar Auxílio Emergencial 2021 pelo CPF!

 

Leia Também