BATIDO O MARTELO! Lula define preço do gás de cozinha e CHOCA brasileiros

Brasileiros terão acesso a novas parcelas so Vale-Gás em Abril. Consultas podem ser feitas sem sair de casa, veja!

5O Vale-Gás teve sua rodada de pagamentos finalizada na última terça-feira, 28 de fevereiro. Diante disso, considerando a metodologia de repasses bimestrais, o próximo calendário terá início no mês de abril.

Em fevereiro, pelo menos 5,6 milhões de famílias de baixa renda elegíveis ao programa usufruíram do benefício de R$ 112. A pausa nos pagamentos, devido ao feriado de Carnaval, felizmente não prejudicou os beneficiários. Veja mais a seguir.

Descubra o valor definido. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br).

Qual o valor do benefício em abril?

Antes de mais nada, é importante destacar que a quantia paga aos beneficiários é definida com base no levantamento realizado todos os meses pela ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis). De acordo com o Governo Federal, neste ano, o benefício deve corresponder a 100% do preço médio nacional do botijão de 13 quilos, assim como aconteceu nos meses finais de 2022.

É importante lembrar que, tradicionalmente, o pagamento deste benefício corresponde a 50% do preço médio nacional do produto. No entanto, presidente Lula decidiu prorrogar a decisão do ex-presidente Bolsonaro, mantendo o valor do benefício ampliado. Dessa forma, continuarão sendo feitos repasses integrais aos beneficiários, conforme o preço definido.

Em fevereiro, o valor do Vale-Gás foi de R$ 112, quantia que deve permanecer em abril. Por sua vez, a distribuição das parcelas acontecerá levando em consideração a seguinte ordem:

  • NIS com final 1: 14 de abril;
  • NIS com final 2: 17 de abril;
  • NIS com final 3: 18 de abril;
  • NIS com final 4: 19 de abril;
  • NIS com final 5:  20 de abril;
  • NIS com final 6: 24 de abril;
  • NIS com final 7: 25 de abril;
  • NIS com final 8: 26 de abril;
  • NIS com final 9: 27 de abril;
  • NIS com final 0: 28 de abril.

Veja mais: Novo RG: CPF e identidade não VALEM mais? Saiba como renovar a documentação 

Afinal, quem poder receber o Vale-Gás?

Primeiramente, é preciso saber que, para fazer parte da lista de beneficiários do programa, é necessário cumprir com algumas exigências. A primeira delas, e talvez a mais importante, é estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Além disso, o programa requer que a renda familiar mensal do cidadão seja menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa.

Também têm direito ao Vale-Gás famílias que residam no mesmo domicílio e recebem o BPC (Benefício de Prestação Continuada) da assistência social, e pessoas com deficiência ou idosos com 65 anos ou mais que comprovem não possuir meios de sustentar a família. Por fim, também podem receber às famílias com mulheres vítimas de violência doméstica que estejam sob monitoramento de medidas protetivas de urgência.

No entanto, é importante destacar que o alcance do programa é limitado. Dessa forma, foi liberado algumas regras de prioridade, que incluem:

  • Famílias com cadastro atualizado no Cadastro Único, nos últimos 02 anos;
  • Famílias com menor renda;
  • Famílias que tenham maior quantidade de integrantes;
  • Famílias contempladas pelo Auxílio Brasil – agora Bolsa Família;
  • Famílias com cadastro qualificado pelo gestor por meio do uso de dados da averiguação (se disponíveis).

Por fim, caso tenha dúvidas a respeito do Vale-Gás, especialmente no que diz respeito aos valores a receber, faça uma consulta utilizando um dos seguintes canais abaixo:

  • Aplicativo Caixa Tem, disponível para celulares Android e iOS, em:
    • Android: https://bityli.com/SVbrUS
    • iPhone (iOS): https://bityli.com/FwISrT
  • Atendimento Caixa – telefone 111;
  • Ministério da Cidadania – telefone 121.

Saiba também: Governo ENCERRA o Vale-Gás e deixa beneficiários REVOLTADOS