Itaú emite aviso geral para todos os correntistas: você precisa conferir!

Se você é cliente do Itaú, é bom ficar de olho no comunicado que o banco acabou de emitir. Confira todos os detalhes e não perca informações importantes!

Você, correntista do Itaú, já está preparado para enfrentar os desafios de 2024, especialmente no que diz respeito à segurança digital? O Itaú, um dos maiores bancos do Brasil, com quase 100 milhões de clientes, emitiu um comunicado crucial alertando sobre a segurança digital e a prevenção de fraudes. 

Esta notícia é especialmente importante em uma era onde a tecnologia está cada vez mais presente em nossas vidas, principalmente no uso de smartphones para transações bancárias. Vamos juntos descobrir como você pode proteger-se desses riscos e garantir a segurança dos seus dados e finanças.

O Itaú acabou se tornando, com o passar dos anos, um dos maiores bancos do Brasil. Confira o comunicado importante!
O Itaú acabou se tornando, com o passar dos anos, um dos maiores bancos do Brasil. Confira o comunicado importante! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Alerta importante do Itaú para 2024: fique protegido contra fraudes!

O Itaú destacou a importância de estar atento a golpes durante pagamentos na internet. Criminosos frequentemente criam páginas falsas, imitando sites oficiais, para capturar seus dados ao realizar pagamentos. É essencial verificar a autenticidade de qualquer página antes de fornecer informações pessoais ou financeiras.

Phishing bancário

  • Descrição: o phishing é um dos golpes mais comuns na internet, especialmente no setor bancário. Os criminosos enviam e-mails, mensagens SMS ou de WhatsApp, se passando por instituições financeiras. Estas mensagens contêm links maliciosos que levam a páginas falsas, imitando o site do banco. Ao acessar essas páginas e inserir informações de login e senha, os usuários inadvertidamente entregam seus dados aos golpistas;
  • Prevenção: sempre verifique a autenticidade dos e-mails ou mensagens recebidas. Bancos nunca solicitam dados pessoais ou senhas por e-mail ou SMS. Além disso, evite clicar em links suspeitos e sempre acesse o site do banco digitando o endereço diretamente no navegador.

Golpe do falso funcionário do banco

  • Descrição: neste golpe, o fraudador liga para a vítima se passando por um funcionário do banco. Durante a conversa, ele solicita informações confidenciais, alegando a necessidade de atualização de cadastro ou verificação de segurança. Em alguns casos, pedem para a vítima instalar aplicativos que dão acesso remoto ao dispositivo;
  • Prevenção: nunca forneça informações pessoais ou bancárias por telefone, a menos que você tenha iniciado a chamada e tenha certeza de que está falando com o banco. Desconfie de solicitações para instalar aplicativos desconhecidos.

Golpe do suporte técnico falso

  • Descrição: neste esquema, os golpistas entram em contato com as vítimas afirmando ser do suporte técnico do banco, alegando problemas no sistema ou na conta da vítima. Eles solicitam acesso remoto ao computador da vítima para “resolver” o problema. Uma vez que obtêm acesso, podem instalar malwares ou roubar informações sensíveis.
  • Prevenção: nunca permita que alguém que você não conhece acesse seu computador remotamente, principalmente se o contato foi iniciado pela outra parte. Caso tenha dúvidas sobre a veracidade da chamada, entre em contato diretamente com o banco através de seus canais oficiais.

Esses golpes são sofisticados e constantemente atualizados pelos criminosos. Portanto, é crucial estar sempre alerta e informado sobre as novas táticas de fraude para proteger suas informações bancárias e pessoais.

Ações imediatas: o que fazer se você for vítima de golpes bancários virtuais

Se você acredita que foi vítima de um golpe virtual associado a bancos, é importante agir rapidamente para minimizar os danos. Aqui estão as etapas a serem seguidas:

  1. Contate o banco imediatamente: informe seu banco o mais rápido possível sobre a suspeita ou a confirmação do golpe. Fornecer detalhes específicos do incidente pode ajudar o banco a tomar medidas para proteger sua conta, como bloquear transações, mudar senhas e monitorar atividades suspeitas;
  2. Troque senhas e códigos de acesso: altere todas as senhas e códigos de acesso relacionados às suas contas bancárias e outros serviços financeiros. Se você usou as mesmas senhas para outros sites ou serviços, altere-as também;
  3. Verifique extratos e movimentações financeiras: revise cuidadosamente seus extratos bancários e movimentações financeiras para identificar qualquer atividade não autorizada. Se encontrar transações suspeitas, informe imediatamente ao seu banco;
  4. Registre um boletim de ocorrência: é aconselhável registrar um boletim de ocorrência (B.O.) na polícia. Isso não só formaliza a ocorrência do golpe, mas também pode ser útil para futuras reivindicações de seguro ou investigações.