Inscrições Casa Verde e Amarela 2020: Veja como solicitar o financiamento pelo novo Minha Casa, Minha Vida!

Vinicius ColaresVinicius Colares
Atualizado Hoje!

Inscrições Casa Verde e Amarela 2020 – Entenda como funciona o novo programa de renda do Governo Federal!

Quando falamos de economia, o cenário não é muito favorável para o brasileiro médio hoje em dia. Como a recuperação financeira deve acontecer aos poucos, você deve ficar atento em oportunidades como as inscrições Casa Verde e Amarela 2020

Esse tipo de financiamento que deve substituir o Minha Casa, Minha Vida surge como uma opção com juros menores para quem quer ter o seu próprio imóvel. Essa pode ser uma garantia financeira imediata e pode garantir uma tranquilidade para você e sua família. 

Se você está pensando em financiar uma casa, fique ligado para os detalhes sobre esse novo programa. Entenda e saiba porque muitos especialistas estão recomendando essa nova opção. 

Inscrições Casa Verde e Amarela 2020
Imagem: Bruno Peres/Divulgação

Financiamento Casa Verde e Amarela 2020

Foram divulgadas novas medidas sobre o financiamento Casa Verde e Amarela. Essa é uma ótima notícia que indica que o Governo Federal e a Caixa Econômica Federal vão realmente continuar com esse novo programa de habitação. 

Para quem ainda não sabe como funciona o Casa Verde e Amarela, o programa deverá ser um substituto do Minha Casa Minha Vida. A ideia será garantir que famílias com renda de até R$ 7 mil tenham acesso aos financiamentos e possam contar com um imóvel a partir de 2021. 

Como o programa ainda não está em vigor e deve começar no próximo ano, os últimos detalhes estão sendo ajustados pelas equipes econômicas responsáveis. Com o início do programa, a ideia é ajudar 1 milhão de famílias que estavam fora do sistema de financiamento. 

Como funciona Casa Verde e Amarela

Mas então como funciona o Casa Verde e Amarela? Algumas diferenças vão ser percebidas em relação ao Minha Casa, Minha Vida principalmente nos primeiros momentos do programa. 

Isso vai acontecer porque os objetivos iniciais do Casa Verde e Amarela são diferentes. A intenção é trabalhar com três pontos principais:

  • Regularização fundiária: ajudar famílias a regularizar a situação de documentos de imóveis e terrenos obtidos pelo Minha Casa Minha Vida; 
  • Melhoria habitacional: ajudar em obras para melhorar as residências de famílias de baixa renda; 
  • Redução de taxas de juros: programa deve trazer a menor taxa da história para facilitar acesso principalmente na região Norte e Nordeste. 

A diferença do Casa Verde e Amarela e do Minha Casa, Minha Vida também ficam por conta das taxas de renda necessárias para acesso ao financiamento. Em comparação, os tipos de grupos e faixas mudaram. 

As taxas de renda do Minha Casa Minha Vida eram as seguintes:

  • Faixa 1: Renda de até R$ 1,8 mil
  • Faixa 1,5: Renda de até R$ 2,6 mil
  • F. 2: até R$ 4 mil
  • F. 3: de R$ 4 mil a R$ 7 mil

Já as taxas de renda do Casa Verde e Amarela são:

  • Grupo 1: Renda de até R$ 2 mil
  • Grupo 2: de R$ 2 mil a R$ 4 mil
  • Grupo 3: de 4 mil a R$ 7 mil

Como solicitar Financiamento Casa Verde e Amarela

E como solicitar o financiamento Casa Verde e Amarela? É importante destacar que o programa ainda não está aberto. Ou seja, os editais devem ser lançados a partir do próximo ano (2021) para quem quer participar. 

As inscrições no programa Casa Verde e Amarela deverão ter o processo de solicitação parecido com o Minha Casa, Minha Vida. A ideia é que os interessados entrem em contato com corretoras, agências da Caixa ou prefeitura da região – dependendo de quem está disponibilizando editais. 

A partir daí é possível avaliar as possibilidades e fazer o contrato Casa Verde e Amarela para novas obras, melhoria habitacional, regularização de documentos ou um novo imóvel. Para saber mais, acesse o site oficial: https://www.gov.br/mdr/pt-br/assuntos/habitacao/casa-verde-e-amarela

Caixa libera opções para MILHÕES de brasileiros através do Caixa Tem: EMPRÉSTIMO de R$ 300,00 e muito mais!

 

Leia Também