Inmet emite ALERTA máximo para ciclone e chuvas fortes; saiba tudo!

Recentemente, o Inmet alertou sobre o risco de chuvas extremamente fortes e a possibilidade de um ciclone. Por isso, é importante ficar de olho na previsão.

Com o Carnaval marcado por altas temperaturas e dias ensolarados, o cenário está prestes a mudar drasticamente. Um novo ciclone subtropical está se formando na costa, trazendo consigo a promessa de chuvas intensas para diversas regiões.

Dessa forma, para saber quais cidades devem ficar em alerta e até mesmo como se cuidar durante as tempestades, é importante ficar atento à previsão. Confira.

Os brasileiros devem ficar atentos à possibilidade de enfrentarem fortes chuvas em breve. Confira a previsão.
Os brasileiros devem ficar atentos à possibilidade de enfrentarem fortes chuvas em breve. Confira a previsão. / Foto: divulgação

O ciclone se aproxima

A princípio, a formação desse ciclone subtropical já está em movimento, deslocando-se em direção ao leste e previsto para afetar áreas do litoral norte de São Paulo até o Rio de Janeiro, com Paraty e Angra dos Reis no centro das atenções. As chuvas previstas são fortes e exigem atenção.

Alerta vermelho: atenção máxima

Além disso, o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) não hesitou em emitir um alerta vermelho para São Paulo e Rio de Janeiro, indicando grande perigo.

A recomendação é clara: moradores dessas regiões devem buscar abrigo, evitar áreas de risco como encostas e margens de rios e estar preparados para agir rapidamente em caso de emergência.

Chuvas por todo o país

Além do ciclone, uma frente fria está trazendo chuvas para o Sul do Brasil, com Santa Catarina e Paraná esperando acumulações de até 30 mm.

No Sudeste, a mesma frente fria traz chuvas significativas, especialmente para o sul do Espírito Santo e partes de Minas Gerais, onde os acumulados podem variar entre 40 e 80 mm.

Centro-Oeste e Nordeste: chuvas esporádicas

Primeiramente, no Centro-Oeste, as chuvas serão intermitentes, alternando com períodos de sol. Apesar dos volumes mais baixos, ventos e raios são esperados.

No Nordeste, as chuvas também serão rápidas e intercaladas com calor, com possíveis alagamentos no sul do Ceará, interior da Paraíba e Pernambuco.

Confira outros: Precisando de dinheiro na conta? Veja como adicionar SALDO usando o limite do cartão de crédito do Nubank!

Norte: precipitações leves

Ademais, a Região Norte verá chuvas rápidas e de baixa intensidade, exceto no norte do Amazonas, onde os volumes podem atingir 80 mm, indicando um risco maior de enchentes e transtornos associados.

Como se preparar para as fortes chuvas?

Com a previsão de chuvas intensas e o potencial para transtornos significativos, é crucial tomar medidas preventivas.

Durante tempestades, sua segurança é primordial. Primeiro, evite áreas de risco como encostas e margens de rios, onde deslizamentos e enchentes são mais prováveis.

Em casa, desligue aparelhos elétricos da tomada para evitar danos por surtos de energia. Mantenha-se informado através de alertas meteorológicos oficiais e tenha um kit de emergência pronto, incluindo água, alimentos não perecíveis, lanternas e um rádio a pilhas.

Além disso, evite sair de casa durante o pico da tempestade e, se estiver na rua, procure abrigo imediato em locais seguros e estruturados. Por fim, mantenha linhas de comunicação abertas com familiares e amigos para informá-los de sua segurança.

A quem recorrer em caso de emergência?

Em casos de emergências decorrentes das chuvas, contate imediatamente os serviços locais de emergência, como os Bombeiros (número 193) e a Defesa Civil (número 199).

Essas entidades estão preparadas para oferecer assistência em situações de inundação, deslizamentos ou qualquer outro risco associado.

Nesse sentido, é essencial ter esses números salvos em seu telefone e em um local de fácil acesso para garantir uma resposta rápida em caso de necessidade.

Veja também: Entrou no VERMELHO? Veja como fazer seu dinheiro RENDER neste ano para se recuperar financeiramente!