Grupo de pessoas tem direito a extra de R$ 200 no Auxílio Brasil; descubra quem pode solicitar!

Benefício é o grande provedor social com o fim do Bolsa Família

O Bolsa Família foi substituído pelo Auxílio Brasil como o principal programa de transferência de renda do país. Com a estipulação do valor mínimo de R$ 400, o benefício é um dos grandes fatores que tentam combater a desigualdade social brasileira.  E você sabia que podem existir alguns bônus adicionais dentro do próprio programa? Conhece o Auxílio de Inclusão Produtiva Urbana? Então saiba mais abaixo e veja se você tem direito.

auxílio brasil extra
Imagem: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Auxílio de Inclusão Produtiva Urbana: o que é?

Este adicional do Auxílio Brasil é destinado para aqueles que conseguem um novo emprego o que significa R$ 200 a mais todos os meses. Esse pagamento extra é creditado na mesma data do benefício principal. Há ainda o Auxílio Inclusão Produtiva Rural, voltado para todos os trabalhadores do campo.

Veja também: Veja como consultar o Auxílio Brasil pela internet; pagamentos começam a partir do dia 18/03

Famílias independentes

Segundo o governo federal, a medida é uma tentativa para que cada vez mais famílias se tornem independentes dos programas sociais. A ideia é que consigam renda suficiente para se manter sem a ajuda do Estado. Conseguindo isso, podem melhorar a qualidade de vida e abrir espaço para que outras famílias em situação de vulnerabilidade sejam incluídas nestes mesmos programas.

Quem tem direito?

Como informado acima, o trabalhador precisa conseguir um emprego de carteira assinada para ter direito aos R$ 200 a mais no Auxílio Brasil. Além disso precisa comprovar o vínculo empregatício para o valor começa a ser pago já no mês seguinte do registro profissional.

A família precisa atualizar o Cadastro Único (CadÚnico). Quem preencher os requisitos e vier a não receber o adicional do Auxílio Brasil deve procurar os meios de comunicação do Ministério da Cidadania.

O que é o Auxílio Brasil?

​É um programa de transferência direta e indireta de renda, destinado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o país, de modo que consigam superar a situação de vulnerabilidade social. O programa foi criado em substituição ao Bolsa Família e é gerido pelo Ministério da Cidadania, responsável pelo envio dos recursos para pagamento.

A Caixa Econômica Federal (CAIXA) é o banco responsável por realizar o pagamento do benefício para todas as pessoas selecionadas pelo ministério e também pela disponibilização dos canais de atendimento aos segurados para sanar dúvidas sobre o saque do Auxílio Brasil.

Baixe o Auxílio Brasil: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.caixa.bolsafamilia&hl=pt_BR&gl=US

Baixe o CadÚnico: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.mds.cadastrounico&hl=pt_BR&gl=US

Veja também: Brasileiros que receberam o Auxílio Emergencial indevidamente devem fazer a devolução dos valores; confira tudo sobre o decreto!