Governo Federal PAGA RETROATIVO na MÉDIA de R$ 1.760: Veja quem RECEBE!

Vinicius Colares
Atualizado Hoje!

Governo Federal PAGA RETROATIVO na MÉDIA de R$ 1.760 – A seguir confira mais informações sobre o pagamento desses valores para milhares de beneficiários!

Com certeza você conhece alguém que está passando por dificuldades financeiras neste momento, não é? São milhões de pessoas em todo o Brasil que neste momento estão precisando de ajuda e por isso a notícia do Governo Federal pagando o retroativo na média de R$ 1.760 pode ser muito boa. 

Isso porque muitas pessoas poderão contar com esses valores para lidar com dívidas que podem estar em aberto neste momento ou até mesmo garantir sua segurança alimentar. Por isso é importante ficar atento para quem pode receber. 

Vamos trazer todos os detalhes sobre esses pagamentos a seguir. Confira e saiba quem poderá ter o dinheiro em mãos em breve. Divulgue a notícia para amigos e familiares que também poderão receber os valores. 

Governo Federal PAGA RETROATIVO na MÉDIA de R$ 1.760
Imagem: Divulgação

Pagamento Retroativo PIS/Pasep 

Com a aprovação da Medida Provisória (MP) 889/2019, o Governo Federal liberou o pagamento do retroativo do PIS/Pasep. Essa é uma grande notícia para vários cidadãos que aguardavam há muito tempo esses valores. 

O pagamento das cotas de fundo já estão liberadas com a MP aprovada. Embora muitas pessoas não saibam, os valores do retroativo estão garantindo, em média, um valor de R$ 1.7600,00. Em alguns casos é possível obter valores de mais de R$ 3 mil. 

Por isso é importante ficar atento para ter em mãos um valor que muitas pessoas sequer sabiam da existência. Para isso é possível conferir os valores nas contas do cartão cidadão e fazer a retirada em qualquer autoatendimento da Caixa Econômica. 

Saiba como consultar o saldo do Cartão Cidadão!

Quem pode receber retroativo PIS/Pasep

Mas e quem pode receber o retroativo do PIS/Pasep? Essa MP que liberou os valores é voltada especificamente para trabalhadores com dinheiro depositado pelo empregador entre os anos de 1971 e 1988. É necessário, ainda, que os trabalhadores não tenham feito a retirada dos saldos anteriormente. 

Em caso de beneficiários do retroativo que faleceram, o pagamento do PIS/Pasep para dependentes pode acontecer. Nesse caso é necessário que o parente/dependente apresente os documentos:

  • Certidão ou declaração de dependentes habilitados à pensão por morte – esse documento é expedido pelo próprio INSS;
  • Escritura Pública de Inventário e partilha (Extrajudicial ou Judicial);

Atestado da entidade empregadora (em caso de servidores públicos);

  • Alvará judicial designando o sucessor/representante legal;
  • Termo autorizando o saque – junto com declaração de que não existem outros sucessores.

Como sacar retroativo PIS/Pasep

Por fim, como sacar o retroativo do PIS/Pasep? Esses valores devem ser retirados a partir do Cartão Cidadão. Para isso, como dito anteriormente, é necessário ir até um caixa eletrônico da Caixa Econômica Federal (ou unidades lotéricas ou Caixa Aqui). 

Quem trabalhou ou trabalha como servidor público pode ter mais informações em uma agência do Banco do Brasil (BB). 

Quem pode sacar um saldo maior de R$ 3 mil deve ir diretamente até uma agência da Caixa. Nesse caso é só apresentar algum documento oficial com foto. Em caso de quem possui conta nesse banco é importante ficar atento para ver se não recebeu automaticamente por conta ativa do PIS/Pasep. 

Confira também se você tem direito ao pagamento do abono salarial PIS/Pasep 2020/2021: https://pronatec.pro.br/pagamento-abono-do-pis-pasep-2020-2021-comeca-em-junho/

 

Leia Também