- Publicidade -

Famílias de todo o Brasil podem ser afetados com a nova decisão do Congresso: Contas de LUZ vão subir?

Veja como fica o acréscimo por região.

0

Cidadãos brasileiros, fiquem atentos! O novo subsídio, criado na Câmara, poderá afetar as contas de luz das famílias de todo o país. A proposta, já em análise no Senado, deve acrescer em até 5,67% os boletos de energia de todos os estados e o Distrito Federal (DF).

- Publicidade -

A saber, o texto que eleva o valor da conta de luz consta no projeto 1.118. Inicialmente, seu foco era o mercado de combustíveis, mas recebeu alterações por meio de emendas e agora também terá incidência no setor de energia elétrica. Quer saber mais sobre? Então, veja a seguir.

Veja o acréscimo por região. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br).

Contas de luz pode subir até 5,67%

De acordo com a imprensa, as alterações atendem pedido de empresas do setor eólico na região Norte e Nordeste, que tentam reduzir os custos com a transmissão de energia. E, com isso, o custo adicional será pago por todo o país. No entanto, o projeto em questão penaliza especialmente estados que têm novos geradores de energia. O maior aumento, de 5,67%, foi registrado no estado de Alagoas (AL).

- Publicidade -

Veja a lista completa:

Amazonas/AMAMAZONAS ENERGIA3,81
Amapá/APCEA4,51
Distrito Federal/DFCEB-D5,14
Rio Grande do Sul/RSCEEE-D1,45
Santa Catarina/SCCELESC-D1,83
Pará/PACELPA4,18
Pernambuco/PECELPE4,67
Minas Gerais/MGCEMIG-D4,27
Rondônia/ROCERON3,36
Bahia/BACOELBA4,16
Paraná/PRCOPEL-D2,32
Rio Grande do Norte/RNCOSERN4,80
São Paulo/SPCPFL PAULISTA3,30
São Paulo/SPCPFL PIRATININGA3,04
São Paulo/SPCPFL SANTA CRUZ3,03
Espírito Santo/ESEDP ES4,46
São Paulo/SPEDP SP3,06
São Paulo/SPELEKTRO3,11
Goiás/GOENEL GO3,97
Rio de Janeiro/RJENEL RJ4,26
São Paulo/SPENEL SP2,83
Ceará/CEENEL-CE4,11
Acre/ACENERGISA AC3,36
Minas Gerais/MGENERGISA MG3,71
Mato Grosso do Sul/MSENERGISA MS3,05
Mato Grosso/MTENERGISA MT3,49
Paraíba/PBENERGISA PARAIBA4,47
Tocantins/TOENERGISA TO3,7
Alagoas/ALEQUATORIAL AL5,67
Maranhão/MAEQUATORIAL MA4,21
Piauí/PIEQUATORIAL PI4,48
Rio de Janeiro/RJLIGHT4,46
Rio Grande do Sul/ RSRGE SUL2,2
Sergipe/SESULGIPE4,11

Veja ainda: Brasileiros que fazem parte DESTE grupo paga apenas 35% do valor da conta de energia; veja como 

O cálculo

- Publicidade -

Ademais, a estimativa do aumento foi feita pela Abrace (Associação Brasileira dos Grandes Consumidores de Energia e Consumidores Livres). A princípio, para o cálculo, a entidade considerou um aumento global de R$ 8 bilhões com a mudança no pagamento da transmissão.

No momento, acontece uma mobilização entre entidades de defesa do consumidor para que os dispositivos que deixam a conta de luz mais cara sejam excluídos do texto no Senado.

Bandeiras Tarifárias

As bandeiras, por sua vez, são acionadas nas contas de luz de acordo com o contexto em que o país ou a região está vivenciando, além, é claro, do consumo por parte dos cidadãos.

- Publicidade -

Nesse sentido, veja a seguir como funciona a cobrança adicional na conta de luz para cada tipo de bandeira:

  • Bandeira verde (em vigor): aplicada em condições favoráveis de energia, sem nenhum tipo de acréscimo;
  • Amarela: acionada em condições menos favoráveis de geração de energia, acréscimo de R$ 1,874 por cada 100 kWh consumidos;
  • Vermelha: quando acontece a ligação das térmicas, isto é, condições mais custosas para a geração de energia, acréscimo fixo de R$ 3,971 e outro de R$ 9,492 por 100 kWh consumidos;
  • Escassez Hídrica: a mais cara do sistema, acionada em condições extremas, acréscimo de R$ 14,20 por 100 kWh consumidos.

Veja ainda: Programa que concede até 100% de DESCONTO na conta de energia deve ganhar novos beneficiários: saiba mais 

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. AceitarLeia Mais