Estes idosos não vão receber o 13⁰ salário do INSS; descubra se você está na lista

De acordo com o Governo, um grupo de idosos não está apto a receber 13º salário do INSS em 2024. Veja se você está na lista.

A recente atualização sobre os pagamentos do 13º salário do INSS em 2024 trouxe uma onda de decepção entre os idosos, ao revelar que mais de 6 milhões de beneficiários ficarão de fora deste abono anual. 

Esta medida impacta principalmente os recebedores de benefícios assistenciais e aqueles que não cumpriram o tempo mínimo de contribuição necessário. 

Enquanto o 13º salário representa um importante suporte financeiro para muitos, a exclusão de uma parcela significativa dos beneficiários levanta questões sobre a cobertura e inclusão das políticas sociais voltadas para a população idosa no Brasil.

Estes idosos não vão receber o 13⁰ salário do INSS; descubra se você está na lista
Existem idosos que não vão receber o 13º salário do INSS – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Impacto da lista de exclusão do 13º salário do INSS nos idosos

A recente divulgação sobre quem ficará de fora do pagamento do 13º salário do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em 2024 gerou desapontamento entre muitos idosos. 

De acordo com a Previdência Social, de um total de 39 milhões de beneficiários, apenas 33 milhões serão contemplados com o 13º salário, deixando mais de 6 milhões sem acesso a esse benefício adicional. 

Este corte afeta principalmente aqueles que recebem benefícios assistenciais e não previdenciários, como o Benefício de Prestação Continuada (BPC), além daqueles que não atendem ao tempo mínimo de contribuição para ter direito ao 13º.

Entendimento da exclusão do 13º salário do INSS

A exclusão do 13º salário do INSS destaca uma divisão importante entre os tipos de benefícios fornecidos pelo instituto: previdenciários e assistenciais. 

Os benefícios previdenciários são baseados em contribuições ao INSS e dão direito ao 13º salário.

Já os assistenciais, como o BPC, destinam-se a prover suporte financeiro a idosos e pessoas com deficiência que vivem em condição de vulnerabilidade, sem a necessidade de contribuições prévias.

Reações e implicações

A notícia trouxe à tona sentimentos de frustração e preocupação entre muitos idosos que dependem desses pagamentos adicionais para cobrir despesas essenciais. 

O 13º salário do INSS, que visa injetar R$66 bilhões na economia, é uma importante fonte de alívio financeiro para os beneficiários, especialmente em um contexto de crescentes custos de vida e desafios econômicos.

Veja também: Quais descontos do INSS são permitidos ou não na aposentadoria? Conheça seus DIREITOS

Calendário do abono natalino

Quem está apto a receber o 13º salário do INSS, deve conferir o calendário, que é dividido em dois grupos. Confira. 

Para quem recebe até 1 salário mínimo:

  • Final do NIS: 1 – pagamentos em 24/4 e 24/5
  • Final do NIS: 2 – pagamentos em 25/4 e 27/5
  • Final do NIS: 3 – pagamentos em 26/4 e 28/5
  • Final do NIS: 4 – pagamentos em 29/4 e 29/5
  • Final do NIS: 5 – pagamentos em 30/4 e 31/5
  • Final do NIS: 6 – pagamentos em 2/5 e 3/6
  • Final do NIS: 7 – pagamentos em 3/5 e 4/6
  • Final do NIS: 8 – pagamentos em 6/5 e 5/6
  • Final do NIS: 9 – pagamentos em 7/5 e 6/6
  • Final do NIS: 0 – pagamentos em 8/5 e 7/6

Para quem recebe mais que 1 salário mínimo:

  • Final do NIS: 1 e 6 – pagamentos em 2/5 e 3/6
  • Final do NIS: 2 e 7 – pagamentos em 3/5 e 4/6
  • Final do NIS: 3 e 8 – pagamentos em 6/5 e 5/6
  • Final do NIS: 4 e 9 – pagamentos em 7/5 e 6/6
  • Final do NIS: 5 e 0 – pagamentos em 8/5 e 7/6

Veja também: Doenças que podem garantir de forma IMEDIATA valores do INSS: confira a lista