Erros que podem bloquear a Análise do Auxílio Emergencial: Veja quais dados podem estar errados!

Vinicius Colares
Atualizado Hoje!

Erros que podem bloquear a Análise do Auxílio Emergencial – Confira mais detalhes sobre alguns dos erros que poderão resultar em uma análise com Auxílio Negado!

Trabalhadores informais e desempregados bem como mães de família de todo o Brasil estão dependendo da ajuda de R$ 600,00 ou R$ 1,2 mil do Governo Federal. Acontece que existem alguns erros que podem bloquear a Análise do Auxílio Emergencial

Nesse caso você deverá fazer a contestação ou então fazer um novo cadastro. Portanto, pode ser interessante que você saiba exatamente o que pode estar levando ao erro no seu pedido para garantir que irá receber o seu valor. 

Confira a seguir mais detalhes e entenda exatamente porque a situação da análise pode surgir como negada. Fique ligado para fazer seu cadastro ou ajudar o seu familiar que fez e solicitou o auxílio. 

Erros que podem bloquear a Análise do Auxílio Emergencial
Imagem: Divulgação

Por que o meu Auxílio Emergencial Negado 

Muitas pessoas querem saber porque o pedido do Auxílio Emergencial foi negado. E isso está acontecendo para um número maior de pessoas neste momento já que o Dataprev, responsável pela análise dos cadastros, está fazendo um pente fino em milhões de dados. 

Caixa deve mudar o pagamento do Auxílio para evitar filas e aglomerações!

Por isso se você está vendo o seu pedido do Auxílio Emergencial “em análise” é necessário aguardar um pouco. As informações estão sendo, neste caso, analisadas e você terá uma resposta em breve. 

Caso você encontre a mensagem de ‘Auxílio Negado’ é porque algum dos seus dados não conferiam com as exigências. Nesse caso específico existem algumas possibilidades de erros que poderão ter interferido. 

Muitas pessoas estão dizendo que, nesse caso, você vai ter o ‘Auxílio Emergencial bloqueado”. Mas não é bem assim que funciona, você ainda poderá fazer a revisão do cadastro e, em último caso, pedir uma reavaliação do Governo. 

Erros no Pedido do Auxílio Emergencial

Existem alguns erros no pedido do Auxílio Emergencial que podem ser mais comuns em relação a outros. Por isso é importante ficar atento para essa lista e saber se você cometeu alguns deles. Nesse caso é possível que seu auxílio seja negado. 

Confira:

  • Qualquer pessoa com menos de 18 anos;
  • Pessoas que já possuem emprego formal e/ou carteira assinada (CLT);
  • Indicar um membro da família que aparece no sistema como falecido;
  • Não ser Microempreendedor Individual (MEI), trabalhador informal ou estar desempregado;
  • Já receber outros benefícios do Governo: por exemplo, aposentadoria, Benefício de Prestação Continuada (BPC) ou pensão do INSS;
  • Pessoas que já são beneficiárias: seguro-desemprego, programa de transferência de renda do Governo (Bolsa Família é uma exceção);
  • Ter recebido algum tipo de remuneração com CLT nos últimos 90 dias;
  • Contar com uma renda mensal acima de três salários mínimos; possuir família com renda de até meio salário mínimo por pessoa;
  • Cidadãos que receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018; esse é um grupo que foi obrigado a declarar o Imposto de Renda para Pessoa Física.

Confira se é possível sacar o Auxílio Emergencial sem ter o código do Caixa Tem: https://pronatec.pro.br/e-possivel-sacar-o-auxilio-emergencial-sem-o-codigo/

 

Leia Também