É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas?


É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas? - Saiba de todos os detalhes sobre como receber aposentadoria e pensão por morte ao mesmo tempo!
É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas?

É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas? – Saiba de todos os detalhes sobre se você pode acumular os dois benefícios. Confira!

É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas? – Esta é uma das maiores dúvidas que permeiam a ideia dos brasileiros!

Se acaso ocorrer uma situação em que uma viúva já receba a pensão pela morte de seu marido e consegue cumprir as regras para se aposentar por tempo trabalhado com carteira assinada, idade ou por invalidez. Deste modo É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas?

Pois então, a regra diz que sim, pois não existe nada que empeça para que o cidadão que já tenha um benefício ativo (pensão por morte) possa solicitar sua aposentadoria, após cumpridos os requisitos para sua concessão, seja por tempo de serviço, idade ou também invalidez.

Isso também vale para o aposentado em que seu companheiro ou cônjuge venha a morrer, será possível pedir a requisição da pensão por morte, sem nenhum tipo de prejuízo sobre sua aposentadoria.

É possível receber aposentadoria e pensão por morte juntas?
Foto: Divulgação

Não é possível acumular duas pensões

Não é possível acumular duas pensões
Foto: Divulgação

Mas fique muito atento, é possível cumular a pensão por morte juntamente com uma aposentadoria, porém, não é possível acumular duas pensões, ou duas aposentadorias pelo mesmo segurado, somente se um dos benefícios seja decorrente de algum outro regime da previdência.

Por exemplo, neste caso, caso a pessoa que já receba pensão por morte venha a ter outra união e esse outro companheiro também venha a morrer, como já foi falado, não será possível ficar com as duas pensões, porém, é dado o direito da pessoas escolher a pensão mais rentável para ser a vigente.

Veja como se Aposentar pela regra 85/95!

Pensões deixadas por filhos

Outra situação mais comum do que aparenta, e merece um grande destaque é de que a impossibilidade de acumulação é quanto às pensões que são obtidas através de falecimento de cônjuge. Assim, quanto às pensões deixadas por filhos, desde que se comprove que o genitor (pai ou mãe) era dependente a lei não se opõe a acumulações.

Pensões deixadas por filhos
Foto: DIvulgação

É importante saber que estes assuntos, sobre benefícios previdenciários, são recheados de várias regras e exceções que podem afetar o caso em si, o ideal é que o beneficiário procure ajuda com alguém capacitado para a função, como um advogado especializado em questões previdenciárias.

Confira maiores informações no site da Previdência Social: https://www.inss.gov.br/

Fique sabendo Aumentar a sua Aposentadoria em 2018!







Outros Artigos Relacionados!

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry
Igor Nunes

Autor: Igor Nunes

Redator

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *