Contribuintes poderão RESGATAR até R$ 2 MIL apenas por informar o CPF na nota

Mais de 1,3 milhões de contribuintes tem direito a resgatar os valores, que vão de R$ 20 a mais de R$ 2 mil. O processo é simples e pode ser realizado online.

A nota fiscal é um documento cuja emissão é obrigatória por todas as empresas que prestam serviço ou vendem produtos. A saber, o documento representa a transferência de propriedade sobre um bem. Para o comércio brasileiro, a emissão de nota pela empresa é essencial para a regularização do comércio e também para que a empresa pague seus devidos impostos.

Dessa forma, para incentivar que esse processo saia corretamente, há programas de resgate que possibilitam o consumidor de resgatar até R$ 2 mil apenas por informar o CPF na nota. Para saber mais sobre e entender como receber esse dinheiro, confira o texto completo.

Os consumidores podem resgatar valores até mesmo superiores a R$ 2 mil tomando a atitude simples de inserirem o CPF nas notas fiscais. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br)

Quantas pessoas podem resgatar?

Apesar deste não ser um programa conhecido, 1,3 milhões de contribuintes podem resgatar valores referentes à nota fiscal. Desse total de pessoas, 1,2 milhão de pessoas têm direito a resgatar valores entre R$ 25 a R$ 200. Ademais, 76 mil podem resgatar valores que variam entre R$ 200 e R$ 2 mil. Ainda, é preciso mencionar que, para 1,2 mil consumidores, os valores de resgate ultrapassam R$ 2 mil. Ou seja, é possível conseguir valores até mesmo superiores do que esperado. Ademais, além do resgate de valores, também há sorteios de R$ 5 milhões por mês, variados em prêmios de R$ 50 a R$ 1 milhão.

A saber, todos os consumidores tem direito a inscrição do CPF na nota fiscal. É possível resgatar os valores mencionados e até mesmo receber diversos benefícios. Um deles é receber parte do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), além de concorrer a prêmios mensais em dinheiro.

Veja também: Benefícios INÉDITOS para quem coloca o CPF na nota fiscal: confira! 

Como informar o CPF na nota?

O programa em questão é o Nota Paraná, para moradores do estado do Paraná. A saber, para receber os benefícios, os consumidores devem exigir um documento fiscal no momento da compra de produtos ou contratação de serviços.

Dessa forma, o consumidor recebe parte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que o estabelecimento recolhe. Além disso, o consumidor também começa a concorrer a prêmios. Assim, tanto os créditos quanto os prêmios pode ser creditados em conta bancária ou usados para abater valores do IPVA.

Podem participar do programa as pessoas físicas, moradoras do Estado do Paraná, que tenham CPF e também entidades sem fins lucrativos que atuem nas áreas de proteção animal, assistência social, cultural, desportiva e saúde.

Assim, ao comprar as mercadorias nos estabelecimentos comerciais do Paraná,  basta pedir para inserir seu CPF na nota. Após isso, faça o cadastro no portal Nota Paraná, por meio do link www.notaparana.pr.gov.br, para ter acesso aos valores. Após a emissão das notas, o prazo é de 24 horas para disponibilidade no programa. Entretanto, atente-se ao prazo de resgate dos créditos, que é de 12 meses a partir da data de disponibilidade dos créditos.

Veja também: Ganhe até R$ 20 MIL com a sua nota fiscal: saiba QUANDO e ONDE participar do sorteio