- Publicidade -

Passo a Passo para Consultar o CadÚnico pela Internet em 2022 usando o CPF

Consultar CadÚnico pela internet: Veja como verificar o seu cadastro em 2022 usando o CPF. Registro é requisito para o recebimento do Auxílio Brasil.

0

Brasileiros já sabem que o Cadastro Único do Governo Federal é um dos critérios mais importantes para o recebimento do Auxílio Brasil, benefício de até R$ 400 que chegou para substituir o Bolsa Família. Com pagamentos confirmados do programa para 2022, muita gente busca por maneiras de consultar o CadÚnico pela internet. Explicamos abaixo o passo a passo para verificar o CadÚnico usando apenas o CPF; veja.

- Publicidade -

O Cadastro Único do Governo Federal foi criado em 2001 para reunir informações sobre as famílias de baixa renda em um único local. Através de dados sobre escolaridade, características de domicílio, identificação dos membros familiares e muito mais, é realizada a concessão de diversos benefícios, entre o Auxílio Brasil e programas estaduais de transferência de renda.

Passo a Passo para Consultar o CadÚnico pela Internet em 2022 usando o CPF
Passo a Passo para Consultar o CadÚnico pela Internet em 2022 usando o CPF /Imagem: Marcello Casal Jr – Agência Brasil

Auxílio Brasil no CadÚnico

Como já citamos, para receber o Auxílio Brasil beneficiários precisam estar registrados no CadÚnico, sempre com informações atualizadas. No caso dos beneficiários do Bolsa Família, a migração de dados para o novo programa aconteceu de maneira instantânea, sem precisar de novo registro. Hoje em dia, o cadastro do Governo é utilizado para a distribuição de vários programas além do Auxílio Brasil. Entre eles, estão o BPC (Benefício de Prestação Continuada), a Carteira de Idoso, Telefone Popular, Água Para Todos, isenção no ENEM e muito mais.

- Publicidade -

Inscrições para Benefício de R$800 começa em janeiro e terá parcela única

Como se inscrever no CadÚnico?

Para se inscrever no CadÚnico, potenciais beneficiários precisam se encaixar em alguns critérios importantes. Um dos requisitos mais importantes é a renda familiar. Podem se inscrever famílias com renda mensal de até um salário mínimo por pessoa, renda mensal total de até três salários mínimos e famílias com renda maior que três salários mínimos com o cadastramento vinculado à inclusão em programas sociais do Governo. Além disso, também podem se inscrever pessoas em situação de rua, que vivem sozinhas ou com a família.

A inscrição é sempre realizada de maneira presencial, nos postos do CRAS ou unidades de atendimento do CadÚnico. Interessados devem reunir toda a documentação necessária (disponível no site do CadÚnico) e fazer a entrevista de cadastramento. A atualização cadastral deve ser feita obrigatoriamente a cada dois anos, ou sempre que aconteça uma mudança significativa na unidade familiar.

- Publicidade -

Como consultar o CadÚnico pela internet usando o CPF?

Para fazer a consulta sobre a situação dos benefícios e conferir se os dados do CadÚnico estão atualizados, beneficiários podem usar o aplicativo Meu CadÚnico – disponível para download para celulares com sistemas operacionais Android e iOS – ou pelo site meucadunico.cidadania.gov.br. Ambas as plataformas oferecem a emissão do comprovante do Cadastro Único, essencial para diversas operações.

Beneficiários também podem consultar o CadÚnico usando o CPF pelo site oficial da Caixa, disponível no endereço www.cadastrounico.caixa.gov.br. Vale lembrar que a consulta também está disponível pelo telefone, no número 0800 707 2003. No caso, a ligação é gratuita e o atendimento ocorre das 07h às 19h, de segunda a sexta-feira e de 10h às 16h nos finais de semana e feriados.

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais