Comunicado IMPORTANTÍSSIMO para brasileiros do NIS 1 ao 9 que fazem parte do Bolsa Família

Os brasileiros que recebem pagamentos mensais do Bolsa Família devem ficar atentos, pois a temporada de pagamentos desse mês já começou.

Neste mês de março, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) trouxe novidades importantes para mais de 21 milhões de famílias brasileiras beneficiadas pelo Bolsa Família.

Com pagamentos programados para iniciar já nesta sexta-feira, dia 15, o programa reforça seu papel fundamental no suporte financeiro às famílias em vulnerabilidade social.

Dessa forma, se você vai receber os pagamentos em março, é bom ficar de olho nos seus aplicativos bancários para conferir se teve acesso aos valores.

S você recebe o Bolsa Família mensalmente, confira os comunicados que o governo emitiu sobre os valores de março!
S você recebe o Bolsa Família mensalmente, confira os comunicados que o governo emitiu sobre os valores de março! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

O cronograma de pagamentos de março

Este mês, o Bolsa Família segue a dinâmica já conhecida, distribuindo os benefícios ao longo dos últimos dez dias úteis, de acordo com o último número do NIS (Número de Identificação Social) de cada beneficiário. Confira abaixo as datas específicas para março de 2024:

  • NIS de final 1: Depósito na conta em 15 de março
  • NIS de final 2: Depósito na conta em 18 de março, disponibilizados antecipadamente em 16/03
  • NIS de final 3: Depósito na conta em 19 de março
  • NIS de final 4: Depósito na conta em 20 de março
  • NIS de final 5: Depósito na conta em 21 de março
  • NIS de final 6: Depósito na conta em 22 de março
  • NIS de final 7: Depósito na conta em 25 de março, disponibilizados antecipadamente em 23/03
  • NIS de final 8: Depósito na conta em 26 de março
  • NIS de final 9: Depósito na conta em 27 de março
  • NIS de final 0: Depósito na conta em 28 de março

Não perca: Bolsa Família INICIA pagamento básico acima de R$ 550,00; confiar HOJE (14)

Importância da atualização cadastral do Bolsa Família

Para assegurar o recebimento dos benefícios sem interrupções, é crucial que os beneficiários mantenham suas informações cadastrais atualizadas no CadÚnico.

Isso inclui dados pessoais, de renda e composição familiar. A atualização pode ser feita de forma online ou presencialmente no CRAS mais próximo.

Atenção aos valores e bloqueios

Em março, o programa prevê pagamentos a partir de R$142 por pessoa, em famílias com cinco membros ou mais. Famílias menores recebem um valor base de R$600, com adicionais de R$50 por criança ou adolescente entre sete e dezoito anos, gestantes e mães com bebês menores de sete meses, além de um extra de R$150 para cada criança com seis anos de idade ou menos.

Bloqueios podem ocorrer por diversos motivos, como CPF irregular, cadastros desatualizados ou com informações inverídicas, renda per capita acima do limite e ausência de frequência escolar ou vacinação incompleta das crianças.

Essas medidas visam garantir que o benefício alcance aqueles que realmente necessitam e cumpram com os critérios estabelecidos pelo programa.

Acompanhe outros: Titulares do Bolsa Família devem DECLARAR declarar o IRPF?

Como desbloquear sua conta?

Para desbloquear o Bolsa Família, é essencial atualizar suas informações no Cadastro Único (CadÚnico). Visite o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo com documentos pessoais e de renda atualizados.

Verifique se todas as condicionalidades do programa, como a frequência escolar das crianças e a vacinação estão em dia.

Corrija quaisquer irregularidades no CPF e mantenha a renda familiar dentro dos limites estabelecidos. Cumprindo essas etapas, solicite o desbloqueio do benefício junto ao atendente do CRAS.

Acompanhe mais: Pente-fino do Bolsa Família como saber se corro o RISCO de ser excluído em março