Compra da casa própria pode ficar mais fácil em 2023: conheça o FGTS Futuro

O sonho da casa própria pode estar cada vez mais próximo para os brasileiros, considerando a novíssima modalidade de uso do FGTS.

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, também chamado de FGTS, é um benefício destinado para todo e qualquer trabalhador brasileiro que atue em regime formal, em plena comunhão com a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

Assim sendo, todo trabalhador que possui registro em carteira está apto para receber o FGTS. De modo geral, trata-se de uma modalidade que visa fornecer suporte financeiro para os trabalhadores.

Neste sentido, uma novíssima possibilidade de uso do FGTS entrará em vigor em breve, o que deverá facilitar a compra de um imóvel, como por exemplo, a casa própria.

Assim, é importante entender como será possível utilizar o FGTS para a compra da casa, bem como a partir de quando a modalidade entrará em vigor.

Conheça o FGTS do futuro
Nova modalidade de uso do Fundo / Imagem: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Como funciona o FGTS

Antes de mais nada, é extremamente válido entender como ocorre o funcionamento do FGTS, bem como quem tem direito ao Fundo e quais são as modalidades possíveis para saque. Primeiramente, como dito anteriormente, o FGTS é um direito básico de todo trabalhador brasileiro que atua em regime formal.

Neste sentido, o Fundo funciona como uma reserva de suporte financeiro para os trabalhadores, onde os mesmos podem solicitar o saque em diferentes momentos. Assim, o pagamento do FGTS é de total responsabilidade do empregador.

Para melhor entender, o contratante deve indispensavelmente realizar o depósito do FGTS ao início de cada mês. Isto é, o valor de depósito deve corresponder a 8% do salário pago ao funcionário. Além disso, o depósito deve ser feito até o dia 7 de cada mês.

Assim sendo, normalmente, o FTGS fica disponível para saque nas seguintes situações:

  • Demissão sem justa-causa;
  • Aposentadoria.
  • Acidente e/ou doença;
  • Necessidade de saque proveniente de apoio financeiro para enfrentar desastres naturais;
  • modalidades de antecipação, como por exemplo, o saque-aniversário.

Veja também: Prazo MÁXIMO para saque do PIS/Pasep é definido: não perca a data limite!

Afinal, como usar o Fundo para comprar a casa própria?

Bem, como dito anteriormente, o saque do FGTS fica disponível para os trabalhadores em diferentes hipóteses e modalidades. No entanto, uma nova decisão do Governo Federal tende a possibilidar mais uma modalidade saque. Trata-se, portanto, do Fgts do Futuro.

Para melhor entender, o FGTS do futuro tende a facilitar a compra da casa própria, considerando as possibilidades de financiamento disponíveis para os trabalhadores. Neste sentido, será possível antecipar os valores do Fundo, direcionando-os para o financiamento do imível em questão.

Mais especificamente, o trabalhador poderá comprometer o saldo disponível proveniente do seu FGTS, além de comprometer as parcelas futuras para financiar a casa própria. Ou seja, quando o cidadão optar com essa modalidade, ele não poderá solicitar o saque do FGTS sob nenhuma hipótese, até que o financiamento chegue ao fim.

Ademais, de acordo com as informações divulgadas pelo Governo, juntamente com a Caixa Econômica Federal, a possibilidade tende a ficar disponível logo nos primeiros meses do ano de 2023. Segundo as estimativas, possivelmetne será possível optar pela modalidade a partir do dia 8 de janeiro do próximo ano.

Por fim, a possibilidade pode ser ideal para milhões de brasileiros que desejam ter uma casa própria, mas encontram diversas limitações.

Veja também: LIBERADO: aprenda a consultar seu PIS utilizando apenas o CPF