Como REMOVER um carrapato com SEGURANÇA: Nunca faça isso, especialistas orientam!

O carrapato pode transmitir uma série de doenças que podem ser fatais para os seres humanos, como é o caso da febre maculosa; entenda como fazer a remoção do animal.

Recentemente, vários portais de notícia divulgaram que algumas pessoas morreram após terem ido para uma festa em Campinas, em São Paulo, por terem contraído uma doença chamada febre maculosa. Essa doença possui como vetor o carrapato, animal que costuma estar em campos, áreas abertas e pode estar em animais, como cavalos, capivaras ou cachorros.

Portanto, quem gosta de aproveitar os ambientes abertos, deve saber que não está isento de acabar voltando para casa trazendo um hóspede indesejado: o carrapato. Dessa maneira, caso você note que há um carrapato em você, é importante saber que há um jeito certo de remover o animal com segurança, de forma a evitar contrair doenças transmitidas por ele. Veja mais a seguir.

Como REMOVER um carrapato com SEGURANÇA: Nunca faça isso, especialistas orientam!
Muitos brasileiros podem não saber que há um jeito certo de fazer a remoção de carrapato / Imagem: Divulgação

Ao que você deve se atentar?

Antes de mais nada, vale a pena comentarmos que, caso você vá viajar para uma região, em especial se for passar um tempo na natureza ou em espaços abertos, é fundamental pesquisar para saber se há casos de febre maculosa na região. Se houver, é necessário redobrar a atenção para a presença dos carrapatos.

Além disso, é importante fazer um autoexame, a cada duas horas, para saber se algum carrapato está grudado em sua pele. Verifique a sua pele com calma. Essa etapa é essencial pois, quanto mais tempo o carrapato passar na pele, maior é a chance de que ele transmita alguma doença.

Ao fazer uma trilha ou passear ao ar livre, opte por outras que sejam claras e compridas. Isso ocorre já que, com roupas compridas, tende-se a diminuir o contato que o carrapato poderia ter com a pele. Já os tons mais claros são recomendados pois eles auxiliam a observar os carrapatos, caso haja algum em você.

Veja também: Governo aprova novo VALOR INACREDITÁVEL para parcelas do Bolsa Família; adicional já está valendo para junho!

Como remover um carrapato com segurança?

Caso você identifique que há um carrapato na sua pele, a recomendação é que você o retire imediatamente. Para isso, você pode contar com o auxílio de uma pinça, sendo a forma mais recomendada de remover o animal, uma vez que ela traz mais segurança. Além disso, é fundamental não espremer o carrapato depois de retirá-lo da sua pele.

A razão para isso é que, ao espremer o animal, corre-se o risco de que haja uma maior liberação de bactérias. Caso você seja picado por um carrapato, a recomendação é ficar atento, durante os próximos dias, a possíveis sintomas. Logo, sendo assim, caso você apresente diarreia, febre ou dores, é preciso buscar o auxílio de um médico para dar início a um tratamento.

Um outro ponto que deve ser mencionado é que, de acordo com o professor da Universidade Estadual de Campinas, Plínio Trabasso, a recomendação é de tirar o carrapato na vertical, para evitar que ele se rompa e, assim, espalhe mais bactérias.

Veja também: Inteligência Artificial cria 5 NOVAS PROFISSÕES: antecipe-se e garanta um futuro no mercado de trabalho