Como recuperar o pagamento bloqueado do INSS: Guia para idosos

Aposentados e pensionistas enfrentam o bloqueio de seus benefícios pelo INSS; mas há luz no fim do túnel com estratégias eficazes para reverter essa situação.

No intricado universo da previdência social brasileira, idosos aposentados e pensionistas enfrentam um desafio angustiante: o bloqueio inesperado de seus benefícios pelo INSS.

Esse cenário, marcado por incertezas e ansiedades, leva muitos à busca de soluções para reverter essa situação e assegurar o retorno de seus tão necessários proventos.

Como recuperar o pagamento bloqueado do INSS: Guia para idosos.
Veja como recuperar o pagamento que foi bloqueado. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

O que leva ao bloqueio de benefícios do INSS para idosos?

O bloqueio de benefícios do INSS para idosos pode ocorrer por diversas razões, sendo algumas das mais comuns a falta da realização da prova de vida, pendências ou irregularidades na documentação e informações fornecidas ao INSS, assim como questões relacionadas à realização de perícias médicas.

A prova de vida é um procedimento adotado para evitar fraudes e garantir que o benefício esteja sendo pago ao titular correto; quando não realizada dentro do prazo estipulado, pode resultar no bloqueio automático do benefício.

Da mesma forma, se durante os processos de revisão ou o chamado “pente-fino” do INSS for detectado que o beneficiário não cumpre mais com os requisitos necessários para o recebimento do auxílio, como caso de aposentados por invalidez encontrados em condições de retorno ao trabalho, o benefício também pode ser bloqueado.

Ademais, inconsistências ou falta de atualização nos dados cadastrais junto ao INSS são outras causas comuns que podem levar ao bloqueio dos benefícios previdenciários.

Veja mais: INSS revelou HOJE (10/04) o SEGREDO para se aposentar mais cedo; veja quem tem direito!

Como posso desbloquear meu benefício do INSS após receber um aviso de bloqueio?

Para desbloquear seu benefício do INSS após receber um aviso de bloqueio, siga estes passos:

  1. Identifique a Causa do Bloqueio: O primeiro passo é entender o motivo do bloqueio, que geralmente é informado pelo INSS no aviso de bloqueio. Isso pode ser devido à falta da prova de vida, pendências documentais, necessidade de nova perícia médica, entre outros.
  2. Atualize a Prova de Vida (se aplicável): Se o bloqueio ocorreu por falta da prova de vida, visite sua agência bancária com um documento de identificação com foto. Alguns bancos permitem fazer a prova de vida por meio de terminais de autoatendimento ou até mesmo online.
  3. Agende uma Perícia Médica (se necessário): Para beneficiários de auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez, pode ser necessário passar por uma nova perícia médica. Agende a perícia pelo Meu INSS (site ou aplicativo) ou pelo telefone 135.
  4. Reúna Documentação Necessária: Dependendo do motivo do bloqueio, você precisará de documentação específica, como laudos médicos atualizados, documentos pessoais, ou comprovantes de regularidade da situação que causou o bloqueio.
  5. Visite uma Agência do INSS: Com a documentação em mãos, dirija-se a uma agência do INSS para regularizar sua situação. É recomendável agendar essa visita pelo Meu INSS ou telefone 135 para evitar longas esperas.
  6. Solicite o Desbloqueio: Na agência, explique sua situação e entregue a documentação necessária para solicitar o desbloqueio do benefício. O atendente do INSS verificará suas informações e iniciará o processo de desbloqueio.
  7. Aguarde a Análise: Após solicitar o desbloqueio, será necessário aguardar a análise do INSS. O tempo de processamento pode variar dependendo do caso.
  8. Verifique o Status do Benefício: Você pode acompanhar o status do seu pedido de desbloqueio pelo Meu INSS ou entrando em contato com o telefone 135. Assim que o benefício for desbloqueado, você será notificado.
  9. Contate o Banco: Após o desbloqueio ser efetivado pelo INSS, entre em contato com seu banco para garantir que os pagamentos sejam retomados normalmente.

Veja mais: Benefícios do INSS para autistas: inclusão e direitos destacados no Abril Azul

É necessário realizar uma nova perícia médica para reverter o bloqueio do auxílio por incapacidade?

Sim, é frequentemente necessário realizar uma nova perícia médica para reverter o bloqueio de um auxílio por incapacidade junto ao INSS.

Esse procedimento é crucial quando o bloqueio ocorre devido a dúvidas sobre a continuidade da condição de saúde que justificou a concessão do benefício inicialmente.

A perícia médica serve para avaliar se o beneficiário ainda atende aos critérios de incapacidade para o trabalho, conforme estabelecido pelas normas previdenciárias.

Durante essa avaliação, o perito médico do INSS examinará as evidências médicas atuais, podendo solicitar exames complementares ou detalhes adicionais sobre o tratamento para tomar uma decisão informada.

Dependendo do resultado dessa nova avaliação, o benefício pode ser reativado, continuado, modificado, ou até mesmo convertido em outro tipo de benefício, como a aposentadoria por invalidez, caso se confirme que a incapacidade é permanente.

Veja mais: Nova data de pagamentos do INSS pega aposentados de surpresa: veja o que mudou