- Publicidade -

Como ficará o valor compensatório do Auxílio Brasil? Beneficiários vão receber o acréscimo complementar – Entenda

O pagamento deste benefício ocorrerá durante o período que a família atender os requisitos do Auxílio Brasil e não conseguir alcançar o mesmo valor que recebia do antigo programa de governo.

0

As famílias que recebiam o Bolsa Família e, que sofreram redução no valor dos benefícios pagos depois da migração deste para o Auxílio Brasil, receberão o chamado Benefício Compensatório de Transição.

- Publicidade -

O pagamento deste benefício ocorrerá durante o período que a família atender os requisitos do Auxílio Brasil e não conseguir alcançar o mesmo valor que recebia do antigo programa de governo.

Para saber a diferença a ser paga, será levado em consideração o valor total que recebiam no Bolsa Família.

Como ficará o valor compensatório do Auxílio Brasil? Beneficiários vão receber o acréscimo complementar - Entenda
Para receber o valor compensatório precisa atender algumas regras. Foto: Agência Brasil/Ricardo Moraes

Como ficará o valor compensatório do Auxílio Brasil? Beneficiários vão receber o acréscimo complementar – Entenda

O pagamento do Benefício Compensatório de Transição não mais será pago quando:

  • o valor total dos benefícios do Auxílio Brasil for igual ou superior ao que era recebido no programa Bolsa Família; e
  • O grupo familiar não mais estiver enquadrado nos critérios de elegibilidade do benefício

Além disso, o valor do benefício será revisado a cada seis meses, sendo que o critério de elegibilidade será mensal.

No dia 17 de novembro, o Auxílio Brasil começou a ser pago e conforme o Ministério da Cidadania, mais de 14,5 milhões de famílias receberam o benefício totalizando mais de R$ 3,25 bilhões pagos.
Valor compensatório – Auxílio Brasil -Quem tem direito?

Conforme citado anteriormente, o Auxílio Brasil é pago àqueles que estavam inscritos no Bolsa Família e que ainda atendem os requisitos necessários para receber o benefício.

Dessa forma, quem recebeu o Auxílio Emergencial e não recebia o Bolsa Família, não será incluído automaticamente no Auxílio Brasil.

Porém, aqueles que não recebiam o Bolsa Família, mas já está inscrito no Cadastro Único e cumpre os requisitos, será incluído nos próximos meses, sendo que inexiste prazo para a inclusão.

Segundo o Ministério da Cidadania, serão inclusos no programa mais 2,4 milhões de beneficiários neste mês de dezembro, porém nada foi anunciado quanto ao número de brasileiros que serão adicionados ao programa em janeiro.

- Publicidade -

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais