Veja como funciona o processo para AUMENTAR o salário do INSS: passo a passo

Aprenda o passo a passo para aumentar seu salário do INSS com a revisão da vida toda. Confira se você é elegível e como proceder para garantir um benefício mais justo.

Imagine ter a oportunidade de revisar seu benefício e, possivelmente, aumentar seu salário do INSS. Essa é a proposta da revisão da vida toda, uma chance de ouro para muitos brasileiros.

A decisão, aprovada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) recentemente, abriu portas para que aposentados e pensionistas possam solicitar um novo cálculo de seus benefícios.

Nas linhas a seguir, entenda como esse processo pode beneficiar você, seguindo um guia simples e direto.

Como aumentar o valor do salário INSS.
Entenda como a revisão da vida toda pode elevar o valor da sua aposentadoria do INSS. (Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br).

Como aumentar o salário do INSS?

Imagine poder revisar o cálculo da sua aposentadoria incluindo todos os períodos de contribuição. Até recentemente, apenas os salários após julho de 1994 eram considerados.

Agora, com a aprovação pelo Supremo Tribunal Federal, a revisão da vida toda abre novas portas para quem busca um benefício mais justo.

Saiba também: INSS emite ALERTA para grupo de beneficiários; cuidado para não PERDER seu pagamento!

O que mudou?

Anteriormente, a regra limitava as contribuições ao período pós-1994. A decisão judicial recente permite agora que toda a vida contributiva seja avaliada.

Para você entender melhor, isso significa que, em casos específicos, o benefício mensal de uma aposentadoria pode passar de R$ 1.100 para R$ 1.206, exemplificando um ganho real para o beneficiário.

Passo a passo para aumentar o salário do INSS

  1. Primeiramente, verifique sua elegibilidade: Se você começou a contribuir antes de 1994 e acredita que seus salários eram mais altos antes dessa data, essa revisão pode ser para você.
  2. Em seguida, calcule o benefício: Antes de qualquer coisa, é crucial calcular se a revisão beneficiará você. Nem todos terão aumento no benefício, portanto, essa etapa é essencial.
  3. Por fim, procure um advogado especializado: Escolha um profissional de confiança para guiar você pelo processo. Ele será fundamental para analisar seu caso, calcular o benefício e ingressar com a ação judicial.

Quem tem direito a revisão do INSS?

A revisão não é para todos. Ela é destinada a quem recebe aposentadoria por tempo de contribuição, por idade, especial, por invalidez, auxílio-doença, ou pensão por morte, desde 1999.

Seja como for, a análise individual é a chave. Um advogado previdenciário poderá realizar cálculos precisos e orientar sobre a viabilidade da revisão.

Ademais, lembre-se: cada caso é único e requer uma análise detalhada.

Tipos de revisão no INSS

A saber, além da revisão da vida toda, existem outros tipos que podem se ajustar às suas necessidades:

  • Revisão de Benefício por Incapacidade: Avalia o aumento do benefício por incapacidade.
  • Revisão de Teto: Verifica a adequação do benefício ao teto da Previdência.
  • Revisão do Buraco Negro: Corrige cálculos de aposentadoria entre julho de 1975 e junho de 1991.
  • Revisão de Auxílio-Doença: Confirma a incapacidade para o trabalho.

Em síntese, a revisão da vida toda é uma oportunidade para muitos brasileiros reavaliarem o valor de sua aposentadoria.

Com o apoio certo e uma análise cuidadosa, você pode assegurar um benefício mais justo, refletindo todas as suas contribuições ao longo da vida.

Portanto, não deixe de explorar essa possibilidade e potencialmente aumentar seu salário do INSS.

Com essas informações, você está pronto para considerar a revisão da vida toda. E não se esqueça que o suporte de um profissional especializado é crucial para navegar por esse processo.

Veja também: INSS modificou o prazo para realizar a prova e vida? Aposentados estão irritados