- Publicidade -

Com novo Valor em 2022 Auxílio de R$ 550 tem reajuste e pagamentos a partir de janeiro

Este benefício está sendo pago àqueles que recebem o Benefício de Prestação Continuada para que fiquem estimulados a retornar ao mercado de trabalho.  O valor do benefício é de R$ 550 ao mês.

0

O pagamento do auxílio-inclusão começou a ser pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social.  Este benefício tem como finalidade incentivar a redução dos gastos da previdência com o retorno ao mercado de trabalho.

- Publicidade -

Este benefício está sendo pago àqueles que recebem o Benefício de Prestação Continuada para que fiquem estimulados a retornar ao mercado de trabalho.  O valor do benefício é de R$ 550 ao mês.

É preciso salientar que inexiste período mínimo de contribuição para receber este benefício.

Com novo Valor em 2022 Auxílio de R$ 550 tem reajuste e pagamentos a partir de janeiro
Saiba como receber e quais os requisitos são necessários. Imagem: Agência Brasil/Marcello Casal Jr.

Com novo Valor em 2022 Auxílio de R$ 550 tem reajuste e pagamentos a partir de janeiro

- Publicidade -

Para ter acesso ao benefício, é preciso atender os requisitos abaixo:

  • CPF regular;
  • Atender aos critérios de recebimento do BPC;
  • Ter recebido, pelo menos, 1 parcela do BPC nos últimos 5 anos ou ter tido o benefício suspenso;
  • Possuir renda familiar per capita mensal de até 2 salários mínimos;
  • Comprovar deficiência grave ou moderada;
  • Estar enquadrado como segurado obrigatório do Regime Geral da Previdência Social ou como filiado ao RPPS Regime Próprio de Previdência Social de qualquer dos entes federativos; e
  • Estar com inscrição atualizada no Cadastro Único (CadÚnico).

Auxílio-inclusão – Documentos necessários para solicitar

Para receber o benefício, não basta estar vinculado ao BPC, é preciso também comprovar a situação de incapacidade e vulnerabilidade.

- Publicidade -

Dessa forma, é preciso também apresentar os seguintes documentos:

  • Comprovantes de despesas da família;
  • Inscrição no CadÚnico;
  • Documento de Identificação e CPF do requerente e de todos os membros da família;
  • Declaração de Renda do Grupo Familiar (disponível no site do INSS).
  • Requerimento do BPC e Composição do Grupo Familiar (disponível no site do INSS);
  • Comprovante de Renda de todos os integrantes do núcleo familiar;

Após ser feita a solicitação do benefício, será necessário aguardar a decisão do Instituto Nacional do Seguro Social

Veja também:  Auxílio Permanente de R$1.200 para mães chefe de família será pago em Janeiro? Veja o calendário

- Publicidade -

Este website usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Leia Mais