Colégio Naval Feminino – Existe esse tipo de modalidade? Saiba mais!



Confira quais são as melhores opções de carreiras para as mulheres dentro da Marinha do Brasil!

É cada vez maior o número de mulheres que estão pensando em ter carreira nas Forças Armadas. Muitas já começam a pensar nisso ainda jovens e é por isso que existe uma procura pelo Colégio Naval Feminino.

Mas será que existe esse tipo de oportunidade? É importante entender o funcionamento da instituição antes de buscar uma das vagas. Existem seleções todos os anos, mas nem sempre para o público feminino.

Confira a seguir mais informações e saiba quais são os melhores caminhos para mulheres na Marinha do Brasil. Fique por dentro e saiba como ter uma carreira de sucesso e estabilidade futuramente.

Colégio Naval Feminino
Foto: Divulgação

Existe Colégio Naval para Mulheres

Afinal, existe Colégio Naval Feminino? Primeiramente é importante lembrar como funciona o processo de seleção e o que é exatamente essa instituição. Essa é uma das escolas mais concorridas de todo o país.

O Colégio Naval fica em Angra dos Reis (RJ) e é responsável pela formação intelectual, militar-naval e moral dos estudantes. O ingresso na instituição acontece por concurso público através de prova objetiva, teste de aptidão física e inspeção de saúde.

Os estudantes devem manter-se dentro das instalações no período de adaptação (de três semanas), respeitando o regime de internato. Todos que passarem do tempo de adaptação farão parte do Colégio e começam o curso de preparação de aspirantes do Colégio Naval. São disponibilizadas disciplinas do Ensino Médio e Ensino militar-naval.

Mas afinal, existem vagas femininas? O CN irá lançar novo edital Colégio Naval 2020 e este ainda não aceitará mulheres. É necessário ser do sexo masculino, ter idade entre 15 e 18 anos, ser brasileiro nato e ter terminado o Ensino Fundamental, entre outros requisitos.

Vagas para Mulheres Marinha

Por fim, existem vagas para mulheres na Marinha? Jovens entre 15 e 18 anos infelizmente ainda não podem entrar no Colégio Naval. Isso não significa, porém, que não existem outras opções bem como formas de ingressar na instituição.

As mulheres podem ingressar na Marinha depois de terminar o Ensino Médio. Opções como o curso de Sargento Músico Fuzileiro Naval ou para o Corpo Auxiliar de Praças (CAP) são chances de nível médio.

Finalmente, ainda existem vagas para mulheres na Marinha de nível superior. São os destaques:

  • Quadro Complementar de Intendentes (QC-IM)
  • Quadro Técnico (QT)
  • Quadro de Médicos (CSM-MD)
  • Quadro de Cirurgiões-Dentistas (CSM-CD)

 

Leia Também