Cesta Básica de R$ 300,00 é confirmada pelo Governo Federal Afinal, quem poderá receber

Em abril de 2024, beneficiários do Bolsa Família podem receber uma cesta básica adicional de R$ 300, um suporte municipal complementar para famílias em vulnerabilidade.

Abril de 2024 marca um momento de antecipação para as famílias beneficiárias do Bolsa Família, com a nova distribuição da cesta básica de R$ 300, oferecendo um reforço essencial no combate à insegurança alimentar. 

Enquanto o Bolsa Família atua em nível federal, as cestas básicas, gerenciadas pelos municípios, representam um auxílio adicional focado na alimentação. 

Este suporte vem em diferentes formas, incluindo alimentos, créditos ou cartões de compra, visando ampliar o bem-estar das famílias em vulnerabilidade. A obtenção desse benefício adicional passa pelo CRAS.

Cesta Básica de R$ 300,00 é confirmada pelo Governo Federal Afinal, quem poderá receber
Saiba quem pode receber a nova cesta básica – Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Entendendo a cesta básica do Bolsa Família; veja quem tem direito

Em abril de 2024, os olhos de muitos brasileiros se voltam para a nova rodada de distribuição da cesta básica vinculada ao programa Bolsa Família

Essa iniciativa se destaca como um significativo auxílio às famílias em situação de vulnerabilidade, ampliando o debate sobre as políticas de assistência social no país. 

É crucial entender que, apesar de estarem conectados pelo objetivo comum de combater a insegurança alimentar, o Bolsa Família e a distribuição de cestas básicas são geridos de forma independente.

O primeiro é uma política federal de transferência de renda e o segundo, uma ação que geralmente parte dos governos municipais e estaduais.

Confira mais detalhes da cesta básica

A cesta básica, oferecida em alguns municípios, serve como um complemento ao Bolsa Família, visando ampliar o suporte alimentar às famílias. 

Este auxílio varia, podendo ser composto por alimentos físicos, créditos financeiros ou cartões de compra, com valores que giram em torno de R$ 300. 

Contudo, a distribuição dessas cestas é limitada pela capacidade financeira de cada município, o que significa que não está disponível universalmente.

Como se inscrever

Para as famílias interessadas em receber a cesta básica, o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) surge como o principal ponto de informação e inscrição. 

É através do CRAS que se pode verificar a disponibilidade do programa em sua localidade, entender os critérios de seleção e, se disponível, realizar a inscrição. 

É importante notar que, apesar de não ser uma obrigação das prefeituras, muitas oferecem esse benefício, reforçando a necessidade de consulta local.

Veja também: Se seu CPF estiver irregular, você pode perder o Bolsa Família: veja como checar a situação e consertar o problema

Confira o calendário do Bolsa Família em março

Enquanto as cestas básicas representam um suporte adicional, os pagamentos do Bolsa Família continuam a ser feitos regularmente. 

Em março de 2024, os beneficiários podem esperar receber o auxílio conforme o calendário estabelecido, baseado no número final do NIS (Número de Inscrição Social). 

Esse cronograma garante que as famílias cadastradas recebam o benefício de forma organizada e previsível. Confira. 

  • O NIS que termina em 1 pode sacar desde o dia 15 de março;
  • O NIS que termina em 2 pode sacar desde o dia 18 de março;
  • O NIS que termina em 3 pode sacar desde o dia 19 de março;
  • O NIS que termina em 4 pode sacar desde o dia 20 de março;
  • O NIS que termina em 5 pode sacar desde o dia 21 de março;
  • O NIS que termina em 6 pode sacar desde o dia 22 de março;
  • O NIS que termina em 7 vai receber no dia 25 de março;
  • O NIS que termina em 8 vai receber no dia 26 de março;
  • O NIS que termina em 9 vai receber no dia 27 de março;
  • O NIS que termina em 0 vai receber no dia 28 de março.

Veja também: Quem não fez ISSO pode ter o Bolsa Família de 2024 suspenso