CALENDÁRIO de PAGAMENTO do Auxílio-doença em 2021 — INSS

Vinicius Colares
Atualizado Hoje!

CALENDÁRIO Auxílio-doença 2021 INSS – Fique atento para todos os detalhes sobre como vão funcionar os pagamentos das pensões e benefícios do INSS em 2021!

Muitas pessoas estão procurando agora o calendário Auxílio-doença 2021 INSS. A boa notícia é que já foi disponibilizado o cronograma oficial com as datas dos pagamentos de todos os benefícios ligados ao Instituto Nacional do Seguro Social. 

Antes de falar sobre as datas, vamos trazer mais informações que são importantes para quem ainda está com dúvidas sobre os pagamentos em 2021. Confira e fique por dentro para receber todas as suas parcelas normalmente. 

CALENDÁRIO de PAGAMENTO do Auxílio-doença em 2021
Imagem: Divulgação

Como vai ser Auxílio-doença 2021

A primeira dúvida é sobre como vai ser o Auxílio-doença em 2021. De acordo com especialistas previdenciários, não devem surgir grandes mudanças em relação ao pagamento como vinha sendo feito ultimamente. 

Ou seja, o benefício continuará sendo previdenciário com caráter temporário. Quem pode receber o auxílio-doença são trabalhadores segurados que estão temporariamente (ou totalmente) incapacitados para exercer as atividades laborais por MAIS de 15 dias. 

É importante lembrar da diferença entre auxílio-doença e auxílio-acidente já que esse último é de caráter indenizatório. O benefício de acidente é voltado para quem ficou com sequelas permanentes. 

Ou seja, estamos falando aqui de um auxílio de incapacidade temporária. Os problemas temporários exigem outro tipos de benefícios (por invalidez, por exemplo). 

Quando pedir Auxílio-doença 2021

Uma dúvida muito comum é sobre quando pedir auxílio-doença em 2021. Quer dizer, se eu tenho algum problema de saúde, devo pedir imediatamente? Como funciona? É muito mais simples do que parece. 

Aqueles funcionários que trabalham formalmente, com registro em carteira, precisam dar entrada no auxílio-doença após 15 dias de afastamento. Esses primeiros dias são pagos pela empresa, por lei. 

Quem não atua de maneira formal, trabalhadores domésticos ou avulsos, precisam pedir o auxílio logo no dia que aconteceu a incapacitação – ou assim que possível. IMPORTANTE: quem fizer o pedido 30 dias depois do afastamento NÃO recebe o pagamento de retroativos. 

Como receber Auxílio-doença INSS 2021

E para receber o pagamento: como solicitar o auxílio-doença do INSS em 2021? Existem três formas diferentes de fazer isso o agendamento da perícia médica que é necessário para contar com os valores. 

Todos os interessados devem preencher um requerimento e agendar perícia para auxílio-doença por um dos canais:

  • Site oficial do Meu INSS (www.meuinss.gov.br); 
  • Pelo aplicativo Meu INSS
  • Ou pelo telefone 135

É importante lembrar que todos que não puderem comparecer na perícia que foi agendada devem remarcar com até três dias de antecedência. E todos só podem remarcar uma vez pelo telefone ou site. 

Calendário Auxílio-doença INSS 2021

Uma boa notícia para quem já recebe ou vai fazer a solicitação é que já está disponível o calendário do auxílio-doença do INSS em 2021. Todos os segurados (pensões, aposentadoria ou auxílios) já sabem as datas dos seus benefícios de janeiro à dezembro.

O calendário de benefícios do INSS funcionará como acontece geralmente: de acordo com o número do benefício dos segurados. Hoje em dia são mais de 35 milhões de pessoas recebendo dessa forma e as mensalidades já estão disponíveis neste mês também. 

Confira a seguir o calendário de auxílio-doença e benefícios do INSS em 2021:

calendário de auxílio-doença e benefícios do INSS em 2021

Documentação para pedir Auxílio-doença 2021

Outra dúvida comum é sobre quais são os documentos para solicitar o auxílio-doença do INSS em 2021. Quem quer fazer o requerimento sem ter problemas precisa ter em mãos uma lista de informações. 

Os documentos para receber auxílio-doença em 2021 são os seguintes:

  • Documento oficial de identificação (com foto);
  • Número de CPF;
  • Carteira de trabalho ou carnês de contribuição – ou outro documento que comprove o pagamento do INSS; também é necessário número de identificação do trabalhador (PIS/PASEP);
  • Relatório médico com os detalhes e comprovação da doença – com tratamento indicado, período de afastamento, justificativa da incapacidade de trabalho, etc.;
  • Documento de requerimento carimbado e assinado pela empresa, informando o último dia de trabalho.

Cálculo Auxílio-doença INSS 2021

Por fim, o cálculo do auxílio-doença do INSS 2021 também deve se manter o mesmo. O valor é definido da seguinte forma: você recebe 91% da média de TODO o seu período de contribuição. 

Resumindo: se você contribuiu por 30 meses, por exemplo, todo o valor contribuído será somado e no fim é feita uma divisão por 30. É importante sempre lembrar que o benefício é isento de Imposto de Renda (IR). 

O valor do auxílio-doença INSS em 2021 é diferente de outros benefícios, por isso é importante ficar atento para o cálculo feito acima. Pagamentos como o Benefício de Prestação Continuada (BPC), por exemplo, vão de acordo com o salário mínimo. 

Para tirar quaisquer dúvidas sobre o Auxílio-doença do INSS em 2021 acesse o site oficial: https://meu.inss.gov.br/central/#/login?redirectUrl=/

CALENDÁRIOS DIVULGADOS! Auxílio Emergencial de R$100 já foi LIBERADO: Confira as DATAS para RECEBER o BENEFÍCIO!

 

Leia Também