Caixa Tem oferece até R$9.200 para estudantes através do programa Pé de Meia

O governo brasileiro lança o programa “Pé de Meia”, uma iniciativa que oferece até R$ 9.200 para estudantes, reforça a evasão escolar e promove a permanência no ensino.

O programa Pé de Meia, iniciativa do governo federal em parceria com a Caixa Econômica Federal, está oferecendo até R$9.200 em benefícios para estudantes de todo o Brasil.

O objetivo é auxiliar os jovens na continuidade de seus estudos, proporcionando recursos financeiros que podem ser utilizados para diversos fins educacionais, como pagamento de mensalidades, compra de materiais escolares e custeio de transporte.

Caixa Tem oferece até R$9.200 para estudantes através do programa Pé de Meia
Conheça o programa para estudantes que está fazendo sucesso. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

O que é o programa “Pé de Meia” e como ele funciona?

O programa “Pé de Meia” é uma iniciativa governamental brasileira projetada para combater a evasão escolar e promover a permanência de jovens estudantes nas escolas públicas.

Ele oferece uma bolsa financeira que pode chegar até R$ 3.000 por aluno, por ano, com o objetivo de diminuir a necessidade dos jovens de trabalhar para sustentar financeiramente suas famílias, permitindo que se concentrem em seus estudos.

O funcionamento do programa é estruturado para garantir que o auxílio seja distribuído de forma eficiente e segura. Os pagamentos são feitos através do Caixa Tem.

Essencialmente, o programa visa aliviar a pressão financeira sobre os estudantes, incentivando a conclusão de sua educação formal e, consequentemente, aumentando suas chances de sucesso futuro tanto acadêmico quanto profissional.

Veja mais: Lula anuncia expansão do programa Pé de Meia para estudantes de todas as faixas de renda

Quem tem direito ao benefício do programa “Pé de Meia”?

O benefício do programa “Pé de Meia” é destinado a estudantes que atendem a critérios específicos para ajudar a garantir que aqueles que mais precisam sejam assistidos. Aqui estão os requisitos para ter direito ao benefício:

  1. Faixa Etária: O estudante deve ter entre 14 e 24 anos.
  2. Matrícula Escolar: É necessário estar matriculado em uma escola da rede pública de ensino.
  3. Frequência Escolar: O estudante deve manter uma frequência mínima de 80% nas aulas.
  4. Cadastro no CPF: Possuir um CPF ativo.
  5. Cadastro no CadÚnico: Estar cadastrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).
  6. Beneficiários do Bolsa Família: Ser beneficiário do programa Bolsa Família, independente de titularidade, também é um sorteio de elegibilidade.

Esses critérios são específicos para focar no apoio a jovens estudantes de baixa renda que estão em risco de evasão escolar devido a dificuldades financeiras, incentivando-os a continuar sua educação ao aliviar parte do fardo econômico.

Veja mais: Governo anuncia novo benefício aos participantes do Pé de Meia

Como posso me inscrever no programa “Pé de Meia”?

Para se inscrever no programa “Pé de Meia”, é necessário que você primeiro verifique se atende aos critérios de elegibilidade.

A inscrição é realizada através de canais oficiais fornecidos pelo governo, como o site ou aplicativo do Caixa Tem, onde o benefício será administrado.

É tranquilo manter contato com a instituição de ensino para obter informações detalhadas sobre o processo de inscrição específico ou verificar quaisquer anúncios no site oficial do programa ou nas plataformas do governo que tratam de assistência social e benefícios educacionais.

Veja mais: Governo divulga lista do Pé de Meia, descubra se você está dentro