Caixa e o bônus DUPLO de até R$ 1.059 para CPFs com final 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9

A Caixa Econômica Federal desdobra uma novidade financeira, entregando um bônus duplo a milhões de brasileiros, uma luz no fim do túnel para muitos em tempos desafiadores.

Em uma reviravolta financeira empolgante, a Caixa Econômica Federal anuncia a liberação de um bônus duplo, variando entre R$588 e R$1059, destinado a milhões de brasileiros identificados pelos finais de CPF de 1 a 0.

Esta iniciativa, parte do abono salarial PIS/PASEP de 2024, baseia-se no ano-base de 2022 e está programada para iniciar em fevereiro deste ano, beneficiando cerca de 24,5 milhões de trabalhadores com um montante total de R$23,9 bilhões.

Caixa e o bônus DUPLO de até R$ 1.059 para CPFs com final 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9
Caixa Econômica Federal cria uma novidade financeira. Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Abono Salarial

O abono salarial, um benefício anual para trabalhadores do setor privado e servidores públicos que cumprem determinados critérios, adota um cronograma de pagamentos alinhado ao mês de nascimento do beneficiário, estendendo-se de 15 de fevereiro a 15 de agosto.

Essa ação reflete o compromisso contínuo da Caixa em apoiar a população trabalhadora do Brasil, fornecendo um alívio financeiro bem-vindo e reforçando o papel da instituição como um pilar de suporte econômico.

Quem tem direito ao bônus duplo da Caixa?

O bônus duplo da Caixa, parte do abono salarial PIS/PASEP de 2024, é direcionado aos trabalhadores do setor privado e servidores públicos que cumprem certos requisitos estabelecidos por lei.

Para ter direito a este benefício, os trabalhadores devem: ter recebido até dois salários mínimos mensais em média durante o ano-base de 2022, estar inscritos no PIS/PASEP ou no CNIS com data do primeiro emprego há pelo menos cinco anos.

É necessário também ter trabalhado com carteira assinada por no mínimo 30 dias em 2022, e ter seus dados corretamente informados pelo empregador ao governo na RAIS ou no eSocial do ano-base considerado para apuração.

Este conjunto de critérios assegura que o benefício alcance aqueles que realmente necessitam do apoio financeiro, contribuindo para o bem-estar dos trabalhadores elegíveis e suas famílias.

Veja também: PIS e o repasse de R$ 1,5 mil em 2024; talvez você possa ter direito e não sabe

Como posso consultar se sou elegível para o abono salarial PIS/PASEP de 2024?

Para verificar sua elegibilidade ao abono salarial PIS/PASEP de 2024, você pode utilizar diversas ferramentas disponíveis online, facilitadas pelo governo.

As plataformas mais comuns incluem o portal Gov.br, além de aplicativos móveis específicos, como a Carteira de Trabalho Digital, o Caixa Trabalhador, e o Caixa Tem.

Ao acessar essas plataformas, é possível consultar informações detalhadas sobre sua elegibilidade, o valor do benefício, a data prevista para o pagamento, e o banco responsável pelo depósito.

É importante ter em mãos seus documentos pessoais, como CPF e NIS (Número de Identificação Social), para realizar a consulta de forma eficaz.

Esses recursos digitais são projetados para proporcionar aos trabalhadores uma maneira conveniente e acessível de acessar informações cruciais sobre seus direitos e benefícios trabalhistas.

Veja também: Consulte seu PIS/PASEP no Banco do Brasil: tudo pelo CELULAR!

Qual é o calendário de pagamento do bônus duplo da Caixa?

O calendário de pagamento do bônus duplo da Caixa, referente ao abono salarial PIS/PASEP de 2024 para o ano-base de 2022, está estruturado de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários.

Os pagamentos começam em 15 de fevereiro para aqueles nascidos em janeiro e seguem até 15 de agosto para os nascidos em dezembro. Aqui está o calendário detalhado:

  • Nascidos em Janeiro: 15 de fevereiro
  • Nascidos em Fevereiro: 15 de março
  • Nascidos em Março: 15 de abril
  • Nascidos em Abril: 15 de abril
  • Nascidos em Maio: 15 de maio
  • Nascidos em Junho: 15 de maio
  • Nascidos em Julho: 17 de junho
  • Nascidos em Agosto: 17 de junho
  • Nascidos em Setembro: 15 de julho
  • Nascidos em Outubro: 15 de julho
  • Nascidos em Novembro: 15 de agosto
  • Nascidos em Dezembro: 15 de agosto

O prazo final para o recebimento do pagamento é 27 de dezembro de 2024, independentemente da previsão inicial de pagamento ou da data de nascimento do beneficiário. Isso oferece uma janela ampla para os elegíveis ao abono salarial garantirem o recebimento de seu benefício.

Veja também: Crédito de R$ 5.000 para compra de sofá, geladeira, TVs, micro-ondas, fogão e outros itens; Caixa LIBEROU!

Novos valores do seguro-desemprego em 2024

Para 2024, o seguro-desemprego no Brasil teve seus valores atualizados, variando de R$ 1.412 a R$ 2.313,74, ajustados conforme o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 3,71% em 2023 e o reajuste do salário mínimo. Esses valores já estão em vigor desde a última quinta-feira, 11 de janeiro.

O cálculo do benefício se baseia na média salarial dos últimos três meses anteriores à demissão, dividida por três. Importante ressaltar que, por lei, o valor do seguro-desemprego não pode ser inferior ao salário mínimo vigente, que é de R$ 1.412.

Para solicitar o seguro-desemprego, os trabalhadores podem optar pelo aplicativo da Carteira de Trabalho Digital, pelo portal www.gov.br, presencialmente nas unidades das Superintendências Regionais do Trabalho (após agendamento) ou pela central 158.

Os documentos necessários incluem o documento do requerimento do seguro-desemprego fornecido pelo empregador e o número do CPF.

Alerta da Caixa: aviso crucial para titulares de poupança

A Caixa Econômica Federal emitiu um alerta importante para os detentores de contas poupança, enfatizando a necessidade de entender as regras que regem este investimento desde sua reformulação em 2012.

A principal mudança é que o rendimento da poupança agora varia conforme a taxa Selic: se estiver acima de 8,5% ao ano, o rendimento será de 0,5% ao mês mais a Taxa Referencial (TR); se estiver abaixo, o rendimento cai para 70% da Selic mais TR.

Isso indica que a poupança deve ser vista como um investimento a longo prazo para maximizar os ganhos. A Caixa também sugere que depositar no início do mês pode otimizar os rendimentos, aproveitando o ciclo completo de rentabilidade.

Além disso, para aqueles buscando alternativas mais rentáveis, o Tesouro Direto, especialmente o Tesouro Selic, surge como uma opção atraente, oferecendo segurança e rendimentos superiores em comparação à poupança tradicional.