Bolsa Família terá parcelas MAIORES para mães solteiras? Saiba mais!

Com o retorno do Bolsa Família em janeiro, muitas mães solo se perguntam se o Governo federal vai liberar parcelas extras para o grupo. Entenda!

Com o retorno do Bolsa Família em 2023, haverá diversas alterações no pagamento. Com isso, as mães solteiras enxergaram uma oportunidade de, talvez, receberem valores maiores do benefício, especialmente as que precisam cuidar de muitas crianças.

Quer saber se há um pagamento diferenciado pensado para este grupo? Então continue acompanhando a matéria logo abaixo para não perder nenhuma informação importante sobre o tema!

O Bolsa Família deve retornar em 2023 e muitas mães se perguntam se haverá a possibilidade de um pagamento extra para aquelas que cuidam dos filhos sozinhas. Confira mais informações! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br
O Bolsa Família deve retornar em 2023 e muitas mães se perguntam se haverá a possibilidade de um pagamento extra para aquelas que cuidam dos filhos sozinhas. Confira mais informações! / Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Mães solteiras receberão adicional do Bolsa Família?

A partir de janeiro, o Bolsa Família deve continuar com os repasses de R$ 600 previstos pelo orçamento aprovado recentemente pelo Congresso Nacional. Logo, as famílias beneficiárias do programa não deverão ser prejudicadas com a redução dos valores, como deveria acontecer inicialmente com a reeleição do presidente Bolsonaro (PL), visto que seu plano orçamentário incluía o retorno das parcelas a R$ 405.

Como o benefício vai passar por alterações, muitas mães solo beneficiárias do programa estavam com esperança de que houvesse um adicional para o grupo. Infelizmente, isso não deve acontecer, pois não houve nenhuma promessa relacionada ao tema pelo Governo Federal.

Entretanto, em campanha, o presidente Lula (PT) prometeu conceder uma parcela extra de R$ 150 para as famílias que possuem crianças de até seis anos em casa. Inclusive, o valor é cumulativo para cada filho que se enquadre nas exigências, o que já deve ajudar as mães solo.

Projeto para conceder auxílio para mães solo

Vale lembrar que há um Projeto de Lei (PL) parado cuja proposta é oferecer um benefício fixo para mães solteiras no valor de R$ 1.200. Infelizmente, ele segue sem maiores movimentações desde o ano em que foi proposto, o que quer dizer que ainda não se sabe quando e se ele será aprovado.

Resta às mães aguardarem a implementação do Bolsa Família no ano que vem, bem como a adição da parcela extra que já pode fazer alguma diferença no orçamento das famílias.

Veja também: Pente-fino do Bolsa Família deve começar em POUCOS dias: cuidado, você pode ficar sem o benefício

Confira o calendário completo de pagamento do benefício

Ademais, o calendário completo com todos os meses de pagamento do Bolsa Família já foi liberado. Confira abaixo os repasses disponíveis para janeiro:

  • 18 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 1;
  • 19 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 2;
  • 20 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 3;
  • 23 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 4;
  • 24 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 5;
  • 25 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 6;
  • 26 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 7;
  • 27 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 8;
  • 30 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 9;
  • 31 de janeiro: repasse para beneficiários com NIS final 0.

Para consultar os valores do benefício, bem como se ele caiu em conta, confira os seguintes canais disponíveis:

  • Auxílio Brasil (Android: https://bityli.com/QWgjUA ou iOS: https://bityli.com/DiMLHl);
  • Caixa Tem (Android: https://bityli.com/SVbrUS ou iOS: https://bityli.com/FwISrT).

Veja também: Bolsa Família RETORNA em poucos dias; saiba como vai ser